O impacto do acidente com material biológico na vida de profissional e alunos no hospital universitário

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4036 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
“O IMPACTO DO ACIDENTE COM MATERIAL BIOLÓGICO NA VIDA DE PROFISSIONAIS E ALUNOS E UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO”
 Renata Aparecida Belei[1]
Cláudia Maria Dantas de Maio Carrilho[2]
Neuza da Silva Paiva[3]
Danielly Negrão Guassi[4]
Fabrício de Oliveira[4]
Maria Helena Dantas de Menezes Guariente[5]
RESUMO
 Acidente com materiais biológicos tem sido um problema freqüentemente vivenciado pelostaff hospitalar. Pesquisas da incidência dessa questão vêm sendo realizadas com grande ênfase. Contudo, a percepção do envolvido no acidente, em nosso meio, é pouco evidenciada. Procurou-se então levantar com pessoas que vivenciaram estas situações, suas reações frente ao evento e ao risco de adquirir doenças graves, como a AIDS e Hepatite B. Foi aplicado um questionário a profissionais e alunosacidentados e atendidos no Pronto-Socorro de um Hospital Escola Público. A tabulação e análise quanti-qualitativa dos dados evidenciou que o acidente de maior ocorrência é do tipo pérfuro-cortante e a população mais atingida são os alunos de enfermagem. Verificou-se, que apesar de todos os transtornos proporcionados por este tipo de acidente, 35% dos entrevistados referiram nenhuma mudança na vidaprofissional ou acadêmica após o acidente.
Palavras-chave: Profissionais de saúde, exposição ocupacional, material biológico.
 
OCCUPATIONAL BLOOD EXPOSURES’ IMPACT IN THE HEALTH PROFESSIONALS  OF A PUBLIC SCHOOL HOSPITAL
 
ABSTRACT
Occupational blood exposures have been a frequent and important problem evolving the health professionals, specially hospital staff. However, in spite of manyrecent studies, these professionals selves behave when involved in these accidents remains unknown. To analyze the attitudes, behavior and scares to get AIDS or hepatitis B, questionnaire were applied to health students and professionals attended in an emergency unit of a public school hospital, victim of blood. Nurse students were the mainly accomited subpopulation and needlestick injuries was themost frequent occupational exposures. Despite of the upset, 35% of the interview did not alter professional behavior after the accident.
Key words: Health professionals, occupational exposures, body fluids.
INTRODUÇÃO
O acidente com material biológico tem sido um problema freqüentemente vivenciado pelo staff hospitalar, pois o trabalho neste ambiente geralmente expõe seus profissionais ainúmeros riscos. A literatura revela número aumentado de acidentes com material biológico entre profissionais da saúde devido à falta de esclarecimento (RODRIGUES, 1997).
A infecção pelo vírus da hepatite B (VHB) e as suas conseqüências agudas e crônicas são problemas relevantes de saúde pública em todo o mundo. Atualmente morrem um milhão de pessoas com cirrose, doença crônica do fígado e carcinomahepato-celular em conseqüência da infecção pelo VHB (BRASIL, 1993). A hepatite B, que tem como uma das portas de entrada do vírus o contato com o sangue por via percutânea, pode ser controlada ou pelo menos minimizada através da triagem por testes imunológicos e com uma política de vacinação dos profissionais e alunos da área da saúde, o que não acontece com a AIDS. Por orientação do Center forDiseases Control and Prevention (CDC, 1996), a Secretaria de Saúde do Estado do Paraná, instituiu em 1998, o esquema de profilaxia anti-retroviral pós-exposição a líquidos biológicos, ao considerar a prevalência do HIV na população e a  demora no tempo do resultado do exame de sorologia do paciente fonte. Este esquema determina que a coleta de sangue do paciente fonte e do acidentado seja feitaimediatamente após o acidente com qualquer pérfuro-cortante ou contato de material biológico em área extensa da pele ou em mucosas. É indicado que se inicie a quimioprofilaxia em até 2 horas após o acidente para que ocorra a inibição do vírus HIV e os medicamentos devem ser utilizados enquanto se aguarda o resultado do exame do paciente fonte. Em caso positivo, continua-se com a terapêutica por 30...
tracking img