O homem na organização e na sociedade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1414 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de fevereiro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Laboratório de Práticas Integradoras

Módulo: O HOMEM NA ORGANIZAÇÃO E SOCIEDADE

Unidade Didática: Filosofia e Ética, Psicologia e Sociologia Aplicadas à Administração

Professores: Jorge Oliveira Rocha
Olga Maria dos Reis Ferro
Regina Maria Barreto Frias
Silvana P. Paschoal Sisti

O estudo sobrea matéria “As 100 melhores empresas para trabalhar” publicada pela Revista Época, Editora Globo, no. 431, de 21.08.2006 – p. 104-142, destacamos como objeto de análise a Empresa Serasa.

Objetivos: Analisar, compreender o objeto de estudo estabelecendo um vinculo contextual com as Unidades Didáticas: Filosofia e Ética, Psicologia e Sociologia Aplicadas à Administração.

Aplicação: O estudoda matéria consiste em mensurar o conhecimento adquirido e aguçar a visão e percepção do profissional que estamos nos preparando para ser, já com atuação no presente, com o propósito de melhorar-mos como pessoas no nosso dia-a-dia.

Metodologia: Análise objetiva do tema objeto desse estudo, através de leitura e interpretação.

Objeto de Estudo: Matéria Intitulada: Por que ela? A Serasa,campeã da lista, é uma empresa que se pauta pela filosofia cristã. E os funcionários crêem nela, redigida por Gisela Sekeff.

A pesquisa publicada pela Revista Época divulgando as cem melhores empresas para trabalhar pelos quisitos credibilidade, respeito, imparcialidade, orgulho e camaradagem dentro do contexto das organizações.

Empresa: Serasa
Atividade: ServiçosFinanceiros
Área de Atuação: Território Nacional com exceção dos Estado do Amapá e Roraima.
Sede: São Paulo – SP
Fundação: 1968
Quadro de RH: 2198 trabalhadores
Faturamento 2005: R$ 561 milhões

A Empresa Serasa é moderna e arrojada, acredita que todo o seu potencial de sucesso está em seus funcionários, que são inseridos efetivamente no contexto daorganização e vistos como impulsionadores e geradores de resultados.

A filosofia da empresa é cristã, cujo ensinamento bíblico é um lema: ‘tratar os outros de maneira justa, como nós mesmos gostaríamos de ser tratados”.

Tem como diferenciais o modelo de gestão empresarial que estimula a inovação, prioriza a satisfação do cliente, do pessoal interno e a busca continua da excelência, oabsoluto compromisso de responsabilidade social orientado pela ética e pela transparência nos negócios e relacionamentos, completo portfólio de serviços e produtos para a oferta de soluções inovadoras e adequadas às necessidades do cliente. Tecnologia avançada e segura, liderança no mercado.

A ética é pratica comum na empresa, do alto ao mais baixo cargo, a direção é competente em gerir pessoas e osnegócios, através de clareza dos objetivos e estratégias de negocio e fluência da comunicação.

O gerenciamento da Empresa é filosófico, a pratica do diálogo lembra Sócrates, a fé racional de Denis Diderot, de Jean Lê Rond D’Alambert ...os menores fatos são os que constroem a ciência e o homem como condutor de seu próprio destino, praticas diárias nas ações da direção com relação ao tratamentoe atenção dispensadas à todos os funcionários, a tolerância de Voltaire, a convivência harmônica e em liberdade preconizada por Montesquie, a vontade geral como fato construtivo de uma sociedade idealismo de Rousseau. O Iluminismo de Descartes, responsável pela inovação constante da empresa e o acompanhamento da evolução humana e tecnológica.

A administração da Serasa praticam as teorias deKarl Marx em valorizar a mão-de-obra e não explora-la, de ser ética no contexto do capitalismo.

Possui evidente responsabilidade administrativa através de sua missão, que é profissional sem deixar de ser caracteristicamente social.

A preocupação da empresa em inovar e inovar com áreas departamentais dedicadas às atividades do presente e as tendências e oportunidades do futuro, presente aí os...
tracking img