O corpo dos condeados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (811 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo I – O Corpo dos Condenados
Em 02 de Março de 1957 uma pessoa chamada Damiens estava sendo condenado, muito embora tenha pedido perdão diante da igreja em que deveria ser levado, mas acaboupor ir na Praça de Greve, nú, de camisola, e carregando 2 tochas acesas.
Na praça foi erguido, cortado os mamilos, braços, coxas, barriga das pernas, e com a mão que cometeu o ato de matar seupróprio pai, segurava uma faca, em que nela foi jogado fogo de enxofre e as outras partes que foram cortadas, foi jogado chumbo derretido para que sofresse antes de sua morte, isso é dado como pena aocrime que cometeu.
Com tais dores, Damiens se olhava e chegava a dizer a Deus para que tivesse piedade dele naquele sofrimento, vários confessores chegavam aos seus pés, lhe falavam e beijavam conformeo crucifixo. Foram amarrados cordas nas pernas, nos braços e colocados 4 cavalos para que quando dessem a arrancada tirar seus membros, mas mesmo com tudo isso, não conseguia arrancá-los, foinecessário cortar os nervos, retalhar as juntas, e colocar 6 cavalos. A morte foi longa e dolorosa, os quatro membros foram lançados em uma fogueira e o tronco e o resto foram cobertos de lenha que semisturaram a palha e tacaram fogo.
A pena foi cumprida, tudo acabou em cinzas, o último pedaço demorou muito a ser queimado. Essa pena era aplicada a pessoas que cometiam crimes. Três décadas mais tardetem-se um regulamento para a casa dos jovens detentos que fala como deve ser a rotina dos presos, do horário em que devem se levantar, da oração, do trabalho, das refeições, da escola. Tudo issosofria uma pequena alteração nos horários de verão e inverno.
A pena não é a mesma para todos os crimes, mas define bem cada um deles, foi uma época de “escândalos” para a justiça tradicional, época dereformas, de abolição das antigas ordenanças. Com tantas modificações deu-se o desaparecimento dos suplícios, os códigos passaram a ser explícitos e gerais, mas um fato é certo,o corpo supliciado...
tracking img