O controle de pragas urbanas na qualidade do alimento sob a visão da legislação federal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4997 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O controle de pragas urbanas na qualidade do alimento sob a visão da legislação federal
Urban plague control in food quality according to brazilian federal legislation
Ricardo Soares MATIAS1*
Resumo
A qualidade do alimento oferecido à população sempre foi uma preocupação do governo federal, observada com a publicação, em 27 de
fevereiro de 1967, do Decreto Lei 209 que institui o CódigoBrasileiro de Alimentos. A Portaria 1.428 de 26 de novembro de 1993/ANVISA
inova na relação dos fatores contribuintes para a contaminação alimentar, apresentando, nas diretrizes para o estabelecimento de boas
práticas de produção e de prestação de serviços na área de alimentos, a desinfestação que compreende o plano de sanitização utilizado pelo
estabelecimento. A partir deste momento cria-se umanova visão dos fatores determinantes de contaminação alimentar, o controle de ratos e
insetos. Este procedimento passa a integrar todos os documentos legais que foram sendo gerados pelo Ministério da Saúde e da Agricultura
no que se refere ao controle de alimentos. Até a publicação da RDC 275/2002-ANVISA, o controle de pragas urbanas poderia ser feito por
equipes treinadas dos estabelecimentosque realizassem: produção/industrialização, fracionamento, armazenamento e transportes de
alimentos industrializados, manipulação, preparação, fracionamento, armazenamento, distribuição, transporte, exposição à venda e entrega
de alimentos preparados ao consumo, tais como cantinas, bufês, confeitarias, cozinhas industriais, cozinhas institucionais, delicatéssens,
lanchonetes, padarias,pastelarias, restaurantes, e congêneres. A partir de sua publicação, o controle químico passa a ser realizado apenas
pelas desinsetizadoras que estejam em conformidade com a RDC 18/2000-ANVISA. Entretanto isto não tira a responsabilidade legal da
empresa de alimentos que deverá ter em seu POP (Procedimento Operacional Padronizado) a inclusão do controle de pragas, seja físico e/ou
químico.Palavras-chave: desinfestação; higienização; leis; sanitização.

Abstract
The quality of food offered to the population has always been a concern for the Federal Government observed by a publication on 27 February,
1967 from the Ordinance Law 209 that establishes the Brazilian Code of Foods. The Brazilian Governmental Decree 1428 of 26 November,
1993 from the Brazilian Ministry of Health (MS) innovatesthe relationship of the contributory factors for food contamination presenting in the
guidelines the establishment of good manufacturing practices and services rendered in the area of foods, the de-infestation that includes the
sanitization plan used by an establishment. A new vision of the decisive factors of food contamination has been created, which is the control
of mice and insects. Thisprocedure integrates all the legal documents that were produced by the MS and Brazilian Ministry for Agriculture,
Livestock and Supply (MAPA) concerning the control of food. Even the publication of the Brazilian Governmental Decree 275/2002-MS, the
control of urban plagues could be done by trained teams of establishments that carried out: production / industrialization, division, storage
andtransporting of industrialized food, handling, preparation, storage, distribution, transport, sale display and the delivery of food prepared
for consumption, such as restaurants, buffets, sweet shops, industrial kitchens, institutional kitchens, delicatessens, snack bars, bakeries,
pastry shops, restaurants, among others. Regarding its publication, the chemical control is only carried out by the PCOin accordance with
the Brazilian Governmental Decree 18/2000-MS. However, this does not mean the legal responsibility of food companies has been taken away
that should include in the SOP (Standardized Operational Procedure) the control of pests, whether it be physical and/or chemical.
Keywords: de-infestation; hygienization; laws; sanitization.

1 Introdução
A qualidade do alimento...
tracking img