O conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5678 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo 1
A preocupação com o conhecimento

* O CONHECIMENTO E OS PRIMEIROS FILÓSOFOS

Quando estudamos o nascimento da Filosofia na Grécia, vimos que os primeiros
filósofos - os pré-socráticos - dedicavam-se a um conjunto de indagações
principais: Por que e como as coisas existem? O que é o mundo? Qual a origem da
Natureza e quais as causas de sua transformação? Essas indagaçõescolocavam no
centro a pergunta: o que é o Ser?

A palavra ser em português, traduz a palavra latina esse e a expressão grega ta
onta. A palavra latina esse é o infinitivo de um verbo, o verbo ser. A expressão
grega ta onta quer dizer: as coisas existentes, os entes, os seres. No singular,
ta onta se diz to on, que é traduzida por: o ser. Os primeiros filósofos
ocupavam-se com a origem e a ordem domundo, o kosmos, e a filosofia nascente
era uma cosmologia. Pouco a pouco, passou-se a indagar o que era o próprio
kosmos, qual era o fundo eterno e imutável que permanecia sob a multiplicidade e
transformação das coisas. Qual era e o que era o ser subjacente a todos os
seres. Com isto, a filosofia nascente tornou-se ontologia, isto é, conhecimento
ou saber sobre o ser.

Por esse mesmomotivo, considera-se que os primeiros filósofos não tinham uma
preocupação principal com o conhecimento enquanto conhecimento, isto é, não
indagavam se podemos ou não conhecer o Ser, mas partiam da pressuposição de que
o podemos conhecer, pois a verdade, sendo aletheia, isto é, presença e
manifestação das coisas para os nossos sentidos e para o nosso pensamento,
significa que o Ser estámanifesto e presente para nós e, portanto, nós o
podemos conhecer.

Todavia, a opinião de que os primeiros filósofos não se preocupavam com nossa
capacidade e possibilidade de conhecimento não é exata. Para tanto, basta
levarmos em conta o fato de afirmarem que a realidade (o Ser, a Natureza) é
racional e que a podemos conhecer porque também somos racionais; nossa razão é
parte da racionalidade domundo, dela participando.

** HERÁCLITO, PARMÊNIDES E DEMÓCRITO

Alguns exemplos indicam a existência da preocupação dos primeiros filósofos com
o conhecimento e, aqui, tomaremos três: Heráclito de Éfeso, Parmênides de Eléia
e Demócrito de Abdera.

Heráclito de Éfeso considerava a Natureza (o mundo, a realidade) como um "fluxo
perpétuo", o escoamento contínuo dos seres em mudançaperpétua. Dizia: "Não
podemos banhar-nos duas vezes no mesmo rio, porque as águas nunca são as mesmas
e nós nunca somos os mesmos". Comparava o mundo à chama de uma vela que queima
sem cessar, transformando a cera em fogo, o fogo em fumaça e a fumaça em ar. O
dia se torna noite, o verão se torna outono, o novo fica velho, o quente esfria,
o úmido seca, tudo se transforma no seu contrário.

Arealidade, para Heráclito, é a harmonia dos contrários, que não cessam de se
transformar uns nos outros. Se tudo não cessa de se transformar perenemente,
como explicar que nossa percepção nos ofereça as coisas como se fossem estáveis,
duradouras e permanentes? Com essa pergunta o filósofo indicava a diferença
entre o conhecimento que nossos sentidos nos oferecem e o conhecimento que nosso
pensamentoalcança, pois nossos sentidos nos oferecem a imagem da estabilidade e
nosso pensamento alcança a verdade como mudança contínua.

Parmênides de Eléia colocava-se na posição oposta à de Heráclito. Dizia que só
podemos pensar sobre aquilo que permanece sempre idêntico a si mesmo, isto é,
que o pensamento não pode pensar sobre as coisas que são e não são, que ora são
de um modo e ora são deoutro, que são contrárias a si mesmas e contraditórias.

Conhecer é alcançar o idêntico, imutável. Nossos sentidos nos oferecem a imagem
de um mundo em incessante mudança, num fluxo perpétuo, onde nada permanece
idêntico a si mesmo: o dia vira noite, o inverno vira primavera, o doce se torna
amargo, o pequeno vira grande, o grande diminui, o doce amarga, o quente esfria,
o frio se aquece, o...
tracking img