O caso dos exploradores de cavernas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1374 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Caso dos Exploradores de Cavernas

Resumo

O livro “O caso dos Exploradores de Caverna”, de Lon L. Fuller, cria uma teia de possibilidades acerca de um caso fantasioso, mostrando como o direito necessita de uma capacidade interpretativa gigantesca. Neste caso, cinco membros de uma organização amadorística de exploração de cavernas, a Sociedade Espeleológica, entraram em uma caverna derocha calcária. Quando já estavam distantes da entrada, ocorre um desmoronamento que impossibilita a saída dos cinco. Como não retornaram no prazo previsto, foi enviada para o local uma equipe de socorro. O resgate ocasionou a morte de dez operários por ser um resgate penoso, difícil. Os gastos foram elevados, e a libertação da caverna só ocorreu trinta dias depois do início dos trabalhos de resgate,fato que agravou os problemas, pois os exploradores tinham poucos mantimentos. Isso foi dito por um dos cinco, Whetmore, no vigésimo dia, quando o resgate conseguiu se comunicar com eles através de um rádio. O grupo queria saber quanto tempo iria demorar o resgate, e lhes foi dito que no mínimo dez dias. Consideraram a resposta, e em seguida fizeram outras duas perguntas, tendo em vista a escassezde alimentos: se conseguiriam sobreviver mais dez dias sem comida, e se não, se seria possível sobreviver se comessem carne humana. O médico disse que era pouco provável que fossem sobreviver naquelas condições e que sim, comer carne humana aumentava a possibilidade de sobreviverem. E então eles questionaram as autoridades se deveriam tirar a sorte para decidir quem seria morto, mas todos serecusaram a responder. O rádio silenciou por alguns dias.
Quando foram libertos, contaram o que havia ocorrido no vigésimo terceiro dia. Whetmore, que havia feito a comunicação pelo rádio, sugeriu aos companheiros que tirassem a sorte, e mostrou-lhes um par de dados. O grupo, primeiramente, não aceitou muito bem, mas depois acordaram em tirar a sorte. Porém, em cima da hora, Whetmore sugeriu esperarmais um pouco e não tomar uma atitude precipitada. Seus amigos o acusaram de quebra de acordo e lançaram os dados por ele, que não fez nenhuma objeção. Whetmore perdeu e foi morto, sua carne foi usada como alimento e garantia para seus companheiros. Após o resgate, os sobreviventes foram a julgamento. Em primeira instância, foram condenadas à pena de morte, em segunda instância foram analisadospor quatro juízes: Foster, Tatting, Keen e Handy.
Foster e Handy compartilham da opinião de que os réus não deveriam ser condenados, mas cada um por crenças diferentes. Foster afirma que o Direito Positivo não se aplica à esse caso, e sim a “lei da natureza”, Direito Natural. Diz que a lei não poderia ser aplicada pois eles não estavam em um estado de sociedade civil, e sim estado natural, e quea conservação de quatro vidas só foi possível pela privação de uma vida. Acredita que a lei deve ser interpretada, adequando-a ou não à certas situações. Handy, por sua vez, argumenta que o governo é um assunto humano, que os homens são governados por homens e não por palavras ou teorias. Valoriza a opinião pública e fica do lado dela, que é contra a condenação dos réus.
Tatting se recusa aparticipar da decisão pois diz estar emocionalmente envolvido. Discorda de Foster, não concorda com a lei natural proposta por ele. Não acredita que a lei tenha mais de um propósito, pois assim, segundo ele, seria muito difícil entende-la e julgá-la. Diz que a lei referente ao homicídio requer um ato intencional, e que o homem que atua para repelir não age intencionalmente, e sim em resposta, e tudoisso o leva a votar favorável à condenação, mas como jurista. Porém, como cidadão, pensa que os exploradores já sofreram o suficiente e não merecem ser condenados, e em razão dessa dúvida, prefere não participar.
Keen escolhe se guiar somente pela lei. Acha desnecessário julgar como bom ou mau o que os exploradores fizeram, pois como juiz não deve aplicar seus conceitos de moralidade, e sim o...
tracking img