O capitalismo e eo meio ambiente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1551 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O CAPITALISMO E O IMPÁCTO NO MEIO AMBIENTE
RESUMO
Este trabalho tem por objetivo analisar, discutir os impactos do capitalismo no meio ambiente refletindo se, esse mesmo capitalismo que destrói pode ser capaz de um dia reconstruí-lo. Hoje o capital comanda o mundo, o destino das pessoas, a divisão de classe é acentuada e tudo isso contribui para o caos em que se encontra o meio ambiente.INTRODUÇÃO
O capital mercantil surgiu com o fim do feudalismo dando início aí a um novo modo de produção.Esse novo modelo de capital estabeleceu novas relações em sociedade e foi esse capital que financiou as cruzadas e que criou alguns aspectos como o trabalho assalariado, divisão social do trabalho, a busca á “todo custo” pela produção e pelo lucro, a utilização desenfreada de matérias primas sempensar no futuro a humanidade; mantendo um pensamento consumista e individualista que fez surgir as desigualdades sociais como ao busca por melhores condições de trabalho que culminou na aglomeração de pessoas nas cidades degradando o meio ambiente local e os recursos naturais.
Os processos de socialização entre as nações foram aceleradas na era do capitalismo financeiro, da globalização, datecnologia da informação. A questão ambiental diante da produção desenfreada do modelo capitalista vem sendo tratada como fator crucial para a continuidade da vida do planeta. Acordos gerados para a preservação ambiental não são respeitados e nem colocados em prática exemplo disso é o protocolo de Kyoto, onde tem como objetivo conscientizar, buscar nos países mais poluidores, a redução dos gases queprovocam o efeito estufa e que, um dos principais países poluidores teve como opção assinar ou não o referido protocolo e o então presidente, na época, BUSH optou por não assinar. Isso mostra o descaso com que as massas que deveriam olhar mais para as questões ambientais tratam o assunto.
“Segundo Santiane A.Godinho (2009) o grau de degradação após a era da modernidade está se tornando igual,tanto nos países desenvolvidos quanto nos subdesenvolvidos, vivemos em uma sociedade” socialmente desenvolvida, portanto, hoje, o indivíduo tem que ter uma nova visão de mundo, ele vem buscando amenizar os impactos ambientais em prol da sobrevivência Humana, até porque se a humanidade continuar a pensar na produção desenfreada sem pensar em realizar algo para diminuir os impactos que tal produção vemcausando na natureza, milhões de vidas estarão condenadas pelas alterações climáticas como o efeito estufa, os tsunamis, os furacões, pois esta será a resposta que a natureza dará ao ser humano.
João José Martins (2008) diz que são evidentes as consequências do consumismo sobre o meio ambiente e sobre a qualidade de vida social. Tal tendência conduz por um lado ao desperdício no uso dos recursosnaturais e energéticos e por outro lado agrava os problemas de geração e processamentos de lixo.
Nunca se devastou tanto a natureza como hoje. Em relatório recente da ONU apresentou-se um quadro crítico, em que, em aproximadamente trinta anos um terço das espécies de animais estarão extintas devido à devastação das florestas. Dois bilhões de seres humanos sofrerão com a escassez de água e estesestarão principalmente, nos países pobres bebendo água contaminada com seus próprios dejetos, diz Mário Rangel (2007).
No Brasil nós temos o desmatamento da floresta Amazônica e no Estado do Mato Grasso o Governador Blairo Borges Maggi.eleito em 2003 a 2007 e reeleito em 2007 á 2010 é considerado o maior produtor de soja do mundo está em 62º lugar entre os 67 empresários líderes do mundo,recebeuo prêmio moto-serra de ouro 2006 do Greenpeace pois foi considerado o brasileiro que mais contribuiu para a destruição da floresta Amazônica.
O Estado do Mato Grosso, segundo dados do IMPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) foi o responsável por 50% de 26.130 KM2 de terras desmatadas entre os anos de 2003 a 2004.
Mário Rangel diz também em seu Blog que os Estados. Unidos da...
tracking img