O brincar na educação infantil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6463 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O BRINCAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL

RESUMO

Este estudo busca conhecimentos teóricos que sirvam de embasamento para os profissionais da educação infantil, que buscam o planejamento de uma rotina de trabalho que contemple as vantagens e as funções do brincar em sua atuação profissional, onde muitos incorporam a relação infância e brincadeira como uma relação natural, uma vez que toda criançagosta de brincar, contudo nem sempre dominam com o devido cuidado necessário, para uma pratica educativa que contemple uma aprendizagem significativa. Sendo de suma importância o papel do professor como mediador nas atividades desenvolvidas por suas crianças nas instituições de ensino, visando interferências conscientes que venham facilitar, desencadear e preparar o aprendizado para a vida.Procura-se através das possibilidades quase infinitas que são as brincadeiras, analisar profundamente o processo de conhecimento infantil. Sendo que, o brincar é a principal linguagem da infância, compreende práticas que envolvem jogos, brinquedos e brincadeiras, garantindo o direito às crianças de se comunicarem e interagir. Construir o espaço, meios e tempo para que as crianças brinquem na escola deeducação infantil é ao mesmo tempo um desafio e um compromisso, considerando que as crianças são cada vez mais cedo encaminhadas para atividades pouco criativas e inteligentes, ou seja, desconsiderando as brincadeiras e brinquedos tradicionais da nossa cultura. A brincadeira é um espaço privilegiado de aprendizagem. Desta forma, são objetivos deste artigo identificar o quanto e como o lúdico poderáinfluenciar nas atividades cotidianas com nossas crianças, afirmando e fortalecendo cada função que o brincar carrega e entender a função educativa do lúdico, para proporcionar às crianças formas mais elaboradas de conhecimento e desenvolvimento, visando uma formação integral (social, psíquica, moral, afetiva e cognitiva). Portanto, o resultado está direcionado a todos os profissionais da educaçãoque acreditam nas possibilidades do brincar na educação infantil que sirvam de base e sustentação para o desenvolvimento global de suas crianças.

Palavras chave: Brincar, Brincadeiras, Jogos, Brinquedos, Educação Infantil.
Introdução
Justifica-se o presente estudo pelo embasamento em literatura especializada e em casos comprovados em práticas de trabalho em Educação Infantil, ondemuitos educadores que ali trabalham não valorizam o brincar infantil, deixando assim de criar oportunidades que estimulem o desenvolvimento global e sirva de facilitador para a aprendizagem de suas crianças.
Em estágios realizados no curso de Licenciatura em Pedagogia, pude notar vários pontos onde a brincadeira da criança foi deixada em último plano. Utiliza-se o brincar apenas parapassar o tempo, sem uma visão pedagógica, não explorando assim a riqueza de cada momento lúdico. O brincar como instrumento pedagógico nem sempre é valorizado, quando é utilizado nesta perspectiva é feito de forma aleatória, sem objetivos definidos. Quando se fala em brincadeira imediatamente vem em mente a imagem decrianças pequenas divertindo-se. Mas o que é brincadeira? Se o brincar é direito da criança, como o educador deve partilhar deste, agindo com respeito e interesse, utilizando-o de maneira eficaz e adequada à formação e desenvolvimento das crianças?
Assim, pretendo com este estudo apresentar a importância do brincar na educação infantil como elemento desencadeador de uma aprendizagemsignificativa, contribuindo para o desenvolvimento integral da criança, uma vez que brincadeira é coisa séria por ser uma preparação concreta e real para a vida.
Para a realização do presente trabalho utilizei a metodologia de pesquisa bibliográfica e documental norteada pelo paradigma fenomelógico buscando, portanto, embasamento teórico para a realização da pesquisa, numa abordagem...
tracking img