A utopia- thomas morus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4515 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Jean

INTRODUÇÃO ÀS
CIÊNCIAS SOCIAIS
A UTOPIA – THOMAS MORUS

GRUPO 3– IE/UFRJ
10/10/2011

SUMÁRIO

CAPÍTULO I – INTRODUÇÃO
1.1 Vida de São Thomas More ..................................................................4
1.2 Obra de São Thomas More .................................................................5
1.3 Contexto Histórico da Utopia...............................................................6
CAPÍTULO II – RESUMO DO LIVRO .................................................... 8

CAPÍTULO III – TEMAS DE DEBATE.....................................................11

2|Página

“Enojado com o artificialismo dos costumes na côrte de Henrique VIII, Thomas More
observou que a mentira política, quanto mais patente e boboca, mais solicitamente é
aceita comoverdade por aqueles a quem, no fundo, ela não engana de maneira
alguma.”

Olavo de Carvalho

“As long as your reverend paternity will be determined to tell these shameless lies,
others will be permitted, on behalf of his English majesty, to throw back into your
paternity's shitty mouth, truly the shit-pool of all shit, all the muck and shit which your
damnable rottenness has vomited up,and to empty out all the sewers and privies onto
your crown divested of the dignity of the priestly crown, against which no less than
against the kingly crown you have determined to play the buffoon.”

S. Thomas More

CAPÍTULO I - INTRODUÇÃO
3|Página

1. Vida de São Thomas More

S

ão Thomas More, latinizado em Thomas Morus, nascido no dia 7 de
fevereiro de 1478 e falecido no dia 6 dejulho de 1535, ambos em Londres,
foi homem de Estado, escritor, diplomata e advogado, ocupou vários cargos
públicos, sendo o mais proeminente deles o de Chanceler do Reino Unido
de Henrique VIII da Inglaterra, entre 1529 e 1532. É considerado como um
dos grandes humanistas do período renascentista. Foi canonizado como santo da
Igreja Católica em 9 de maio de 1935.
Era filho do juiz Sir JohnMore, investido cavaleiro por Eduardo IV, e de Agnes
Graunger. Aos quinze anos foi colocado como pagem do Cardeal Morton, Arcebispo
de Cantuária. Em 1497, foi terminar seus estudos em Oxford, onde conheceu Erasmo
de Rotterdam. Fez durante três anos, o curso de Legislação, ao mesmo tempo em que
se preparava para exercer a advocacia. Casou-se com Jane Colt em 1505, em
primeiras núpcias, tendotido como filhos Margaret, Elizabeth, Cecily e J ohn. Jane
morreu em 1511 e Thomas More casou-se em segundas núpcias com Lady Alice
Middleton. More era homem de muito bom humor, caseiro e dedicado à família, muito
próximo e amigo dos filhos. Deu aos filhos uma educação excepcional e avançada
para a época. A todos, indistintamente, fez estudar latim, grego, lógica, astronomia,
medicina,matemática e teologia. Seus principais amigos eram Erasmo de Rotterdam e
Luis Vives, destacados humanistas de seu tempo.
Fez carreira como advogado respeitado, honrado e competente. Exerceu por
algum tempo a cátedra universitária. Em 1504, fazia parte da Câmara dos Comuns, da
qual foi eleito Speaker (ou presidente), tendo ganho fama de parlamentar combativo.
Em 1510, foi nomeado Under-Sheriff deLondres e, no ano seguinte, juiz membro da
Commission of Peace. Pouco depois da ascensão de Henrique VIII, foi referendário e
membro do Conselho Privado (1514). Entrou para a corte de Henrique em 1520. Foi
várias vezes embaixador do rei e tornou-se cavaleiro (Knight) em 1521. Foi nomeado
vice-tesoureiro, depois Chanceler do Ducado de Lancaster e, a seguir, Chanceler da
Inglaterra.
Após 1529,com a demissão de Thomas Wolsey, Arcebispo de York, que não
foi bem sucedido na sua tentativa de conseguir o divórcio e anulação do casamento do
rei inglês Henrique VIII com Catarina de Aragão, More foi nomeado chanceler em sua
substituição, sendo evidente que Henrique não tinha conhecimento da retidão de
caráter de More nesta matéria. A sua chancelaria (1529-32) distinguiu-se pela sua...
tracking img