A superexploração do trabalho em economias periféricas dependentes

Páginas: 31 (7638 palavras) Publicado: 3 de abril de 2011
216

ARTIGO

A superexploração do trabalho em economias periféricas dependentes

Marisa Silva Amaral
Universidade de São Paulo (USP)

Marcelo Dias Carcanholo
Universidade Federal Fluminense (UFF)

A superexploração do trabalho em economias periféricas dependentes
Resumo: O presente artigo parte do escopo de análise da teoria marxista da dependência, que identifica a superexploraçãodo trabalho como característica fundamental da condição dependente, fato este marcado pela intensificação do processo de transferência de valores produzidos na periferia e acumulados nos países do centro. Pretende demonstrar como o processo de acumulação de capital leva à formação de um exército industrial de reserva e como este último contribui com as formas de superexploração do trabalho e com oseu fortalecimento para o caso dos países dependentes, em especial os latino-americanos. Palavras-chave: acumulação capitalista, exército de reserva, dependência, superexploração do trabalho.

A Brief Review of the Content of Super-exploitation of Workers in Dependent Peripheral Economies
Abstract: This paper uses the Marxist theory of dependence, which identifies the super-exploitation ofworkers as an essential characteristic of the dependent condition, a fact that is marked by the intensification of the transfer of wealth produced in the periphery and accumulated in the countries of the center. It intends to demonstrate how capital accumulation leads to the formation of an industrial reserve army and how this contributes to the forms of super-exploitation of labor and to itsstrengthening in dependent countries, particularly those of Latin America. Key words: capitalist accumulation, reserve army, dependence, super-exploitation of labor.

Recebido em 30.03.2009. Aprovado em 30.06.2009. Rev. Katál. Florianópolis v. 12 n. 2 p. 216-225 jul./dez. 2009

A superexploração do trabalho em economias periféricas dependentes

217

Introdução A teoria marxista da dependênciaentende a situação dependente como um condicionamento da economia de certos países em relação ao desenvolvimento e expansão de outras economias. Desta forma, os países dominantes poderiam se expandir e se auto-sustentar enquanto que os dependentes apenas poderiam fazê-lo como um reflexo da expansão dos anteriores (DOS SANTOS, 1970). Nos termos de MARINI (2000, p. 109), a dependência deve ser
[...]entendida como uma relação de subordinação entre nações formalmente independentes, em cujo âmbito as relações de produção das nações subordinadas são modificadas ou recriadas para assegurar a reprodução ampliada1 da dependência.

Ou seja, a dinâmica do intercâmbio desigual culmina em superexploração e não em estruturas capazes de romper com os mecanismos de transferência de valor, e isto implicanecessariamente numa distribuição regressiva de renda e riqueza e em todos os agravantes sociais já conhecidos deste processo. Dadas estas características estruturais da dependência, a intenção é a de identificar, a partir daqui, os aspectos que explicam o recurso à superexploração do trabalho por parte da periferia para dar prosseguimento ao seu processo interno de acumulação. Ou, maisespecificamente, o de perceber as relações existentes entre a superpopulação relativa e os mecanismos de superexploração do trabalho característicos da dependência e dos processos de transferência de valor (da periferia para o centro) que lhe são próprios. O tema da superexploração do trabalho e o exército industrial de reserva O tema da superexploração da força de trabalho, apontada por Marini (1991, p.2000) como sendo a característica estrutural demarcadora da condição dependente vivida pelos países da periferia em relação aos países do centro do capitalismo mundial, guarda relação evidente com a lei geral da acumulação capitalista2 de Marx, especialmente quando são tratadas a funcionalidade do exército industrial de reserva para a acumulação capitalista e, ao contrário e muito mais importante,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A superexploração do trabalho em economias periféricas e dependentes
  • O TRABALHO DO TECNICO DE REABILITAÇAO DE DEPENDENTES QUIICOS
  • Trabalho de economia
  • Trabalho de economia
  • Trabalho de economia
  • Trabalho economia
  • Trabalho de economia
  • Trabalho de Economia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!