A subjetividade do protagonista em piedade.

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 42 (10256 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTADO DE MATO GROSSO
SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA,
UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE TANGARÁ DA SERRA
Departamento de pós-graduação

LUCIANA APARECIDA CARVALHO










A SUBJETIVIDADE DO PROTAGONISTA EM PIEDADE.

























TANGARÁ DA SERRA
2009








LUCIANA APARECIDA CARVALHOA SUBJETIVIDADE DO PROTAGONISTA EM PIEDADE







Monografia apresentada à Universidade do estado de Mato Grosso, Campus de Tangará da serra, Departamento de Pós-graduação, como requisito parcial para a obtenção do título de pós-graduado em Literatura mato-grossense.

Orientador: Prof. Dr. Dante Gatto











TANGARÁ DA SERRA
2009Dedico a todos aqueles que me apoiaram e me incentivaram. Em especial ao meu esposo pela atenção e carinho para com o nosso filho durante o tempo em que estive ausente em razão dos estudos.











LUCIANA APARECIDA CARVALHO





A SUBJETIVIDADE DO PROTAGONISTA EM PIEDADE



COMISSÃO JULGADORA



MONOGRAFIAPARA OBTENÇÃO DE GRAU DE PÓS-GRADUADO





Orientador.................................................................................................................................
2 Examinador............................................................................................................................
3Examinador............................................................................................................................


























Agradecimentos:


Agradeço primeiramente a Deus por ter me concedido a oportunidade de trilhar esse caminho;


Ao meu esposo, pelo apoio e incentivo durante as horas difíceis;


Aos meus mestres pelo papel ativo, junto ao meu crescimento intelectual, em especial ao meuorientador Dr. Dante Gatto;


E também aos colegas e as pessoas que fizeram parte dessa etapa de minha vida.




































































A arte não é só estética. Ela vai além disso, explica a razão da existência humana, é o que a torna real apesar de “se calar perante a verdade.”Blanchot,1987.












CARVALHO, L. A. A subjetividade do protagonista em Piedade. Tangará da Serra, 2009. f. Monografia (Pós-graduação em Literatura Mato-grossense) – Departamento de Pós-graduação, Campus de Tangará da Serra, Universidade do Estado de Mato Grosso.


Resumo


Visto que a literatura tem sido o elo entre o passado e o presente e que a arte não é só“estética” como explica (BLANCHOT, 1987, P. 215), ela vai além e explica a razão da existência humana e por isso se torna real, ainda que se cale perante a verdade, o trabalho monográfico a seguir têm por finalidade, analisar a subjetividade do protagonista Paulo no romance Piedade do autor Mato-grossense José de Mesquita. O recorte da pesquisa busca ainda elementos que justifiquem o narrador enquanto a vozque sobressai ao narrar a estória, comentando as atitudes dos personagens e em dados momentos permitindo que essas personagens falem através do discurso direto, dando verossimilhança ao fato, assim como a simbiose entre narrador e protagonista. Quanto à fundamentação teórica, os estudos foram pautados em leituras como Rubens de Mendonça (História de Mato Grosso), Hilda Gomes Dutra Magalhães(História da Literatura de Mato-Grosso Século XX); Edward M. Fosrter (Aspectos do romance), Ligia Chiappini Leite (O Foco narrativo), Vitor Manuel de Aguiar e Silva (Teoria da Literatura), Salvatore D`Onofrio (Forma e sentido do texto literário).



Palavras chave: literatura mato-grossense; romantismo-retardatário, narrador.

























Sumário...
tracking img