A publicidade e a propaganda na sociedade dos excessos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1914 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS
Faculdade Mineira de Direito
Disciplina: Formação do Mundo Contemporâneo
Professora: Elisabeth Guerra Parreiras
1º Período – Tarde
Alunas: Bárbara Nicole Moreira Diniz
Marcella de B. Léo Cunha
Thamires Teixeira Bois
Data: 08 de Novembro de 2011

A PUBLICIDADE E PROPAGANDA NA SOCIEDADE DOS EXCESSOS

Bárbara Nicole Moreira DinizMarcella de Barros Léo Cunha
Thamires Teixeira Bois¹

RESUMO:
Logo após cada crise do capitalismo, surgia uma nova tecnologia para reanimar a economia, em 1873/96 podemos citar a ferrovia, em 1929/33 o advento do automóvel e em 1973/79 a globalização e a informática, agora estamos em pleno o século XXI na era da sociedade de excessos em que o consumo foi padronizado e multiplicado, graças acombinação de globalização e publicidade, que juntas são uma verdadeira máquina para o consumo desenfreado, sem necessidade. O objetivo deste artigo é ressaltar como a publicidade e propaganda manipula a sociedade para alcançar seus objetivos de criar uma sociedade social dinâmica, que muda de acordo com o desejo do capitalismo.

PALAVRAS-CHAVE: 1- Publicidade, 2- consumo, 3- sociedade
INTRODUÇÃO
Apublicidade e a propaganda na sociedade dos excessos é um tema de notória relevância de estudo, já que afeta de uma forma rápida e eficaz graças a globalização, a sociedade em que vivemos. Este artigo científico pretende dar ênfase à alienação que a globalização tem sobre como a publicidade e a propaganda é criada e disseminada na sociedade dos excessos.

GLOBALIZAÇÃO: A INFLUÊNCIA DAPUBLICIDADE NA SOCIEDADE

Após passarmos por uma série de fatos históricos, encontrávamos ao fim de cada um algo que revolucionava a forma em que vivíamos, agora nos encontramos em pleno o século XXI e a cada dia que passa, mais cresce a quantidade de produtos sendo comercializados pelo mundo e se renovando a cada instante, e essa reinvenção é o que faz nossa economia se deslocar e crescer cada vez maisA sociedade capitalista se baseia na obtenção do lucro e da mais-valia, para realização do mesmo é imperativo fazer com que a população volte ao mercado consumidor, para isso os grandes empresários investem quantidades exorbitantes de capital em anúncios, até porque um produto vende-se para quem pode comprar já um anúncio distribui-se instantaneamente, basta observar a cidade em que vivemos e jásomos surpreendidos por uma capacidade inimaginável de publicidade, que de uma forma criativa informa pouco sobre o que se anuncia podendo apelar para ilusões e sensações de que o consumo do bem ou serviço oferecido modificará de uma forma positiva a maneira em que vive o comprador. Diferente da propaganda que tem o objetivo de informar e orientar a população, de tornar público algo.
Nos diasatuais, entramos na dinâmica do ser social na busca pela felicidade que não chega ao fim, pois sempre há algo novo a acrescentar aos desejos impostos pela publicidade através da mídia, fazendo com que o consumidor não se atente a funcionalidade do produto e sim ao que vai acrescentar em seu status, assim podemos enxergar de forma clara que temos acesso fácil ao ter, mas o que realmente aspiramos é oser, o que nos reduz a meros consumistas compulsivos atrás da felicidade padronizada. Segundo Dominique Quessada a linguagem tornou-se um meio planetário de troca e obra de comércio onde o discurso dos produtos e das marcas se expressa, estabelecendo os termos de sua potência socializante e, portanto, avassalante.
A publicidade pode se fazer em três recursos, o da ordem que determina o agir doconsumidor, o da persuasão que origina o crer e o da sedução que busca o prazer. Através desses recursos a publicidade cria necessidades que não existem e fazem as pessoas se sentirem insatisfeitas e infelizes induzindo a compra de um bem ou serviço que o ilude com a ideia que tal produto pode o tornar mais socialmente aceito, assegurando que a solução para o problema está de certa forma mais...
tracking img