A perspectiva dos estudos culturais - escola inglesa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1235 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A perspectiva dos cultural studies

A multiplicidade das perspectivas acerca das comunicações de massa que foram elaboradas ao longo do tempo ajuda a compreender um aspecto de fundo da pesquisa comunicativa: o facto de estar fortemente exposta a discursos «concorrentes», setoriais e, por vezes, corporativos sobre o mesmo assunto. O «saber prático» dos profissionais da comunicação (jornalistas,media-men, publicitários, responsáveis televisivos, etc.) e o «saber político» das instituições direta ou indiretamente implicadas na gestão ou no controle dos Mass media, são dois exemplos de abordagens «concorrenciais».

O conjunto de conhecimentos produzido pela communication research encontrava-se e encontra-se «confrontado com as outras abordagens, que têm fontes independentes e sãoapoiadas por interesses económicos, reivindicações de autonomia profissional, exercício do poder, sentimentos coletivos profundamente enraizados, experiências quotidianas”. Não é de admirar que, na pesquisa sobre os Mass media, os conhecimentos e as teorias sejam atentamente avaliados quanto à sua utilidade e validade. A situação [dos investigadores da comunicação de massa] é de exporem conhecimentossobre uma instituição enraizada, auto reflexiva, respeitável, que se encontra, ela própria, numa posição de potencial tensão com outras instituições igualmente respeitáveis, bem estruturadas, que são fontes de poder económico e político. Há “poucos indivíduos que estejam assim expostos» (McQuail, 1980, 111).

Este aspecto não constitui apenas um dado de facto da pesquisa sobre os mass media;começou também a colocar-se como questão a analisar no seu próprio âmbito: de que forma se articulam as relações entre o sistema dos mass media e as outras estruturas e instituições sociais? Que reflexos dessa relação se produzem no funcionamento e nos confrontos dos mass media?

Por outras palavras, na tendência geral (que está a caracterizar progressivamente a communication research) paraintensificar a atenção sobre as estruturas sociais e sobre o contexto histórico enquanto factores essenciais para se compreender a ação dos Mass media, os cultural studies representam um momento específico que marcou, de uma forma peculiar, essa tendência. A teoria dos Mass media conhecidos por esta designação esboça-se, em Inglaterra, entre os meados dos anos 50 e os primeiros anos da década de 60, emtorno do Center for Contemporary Studies de Birmingham.

O interesse dos cultural studies centra-se, principalmente, na análise de uma forma específica de processo social, relativa à atribuição de sentido à realidade, à evolução de uma cultura, de práticas sociais partilhadas, de uma área comum de significados. Segundo tal abordagem, a «cultura não é uma prática, nem é simplesmente a descrição dasoma dos hábitos e costumes de uma sociedade”. “Passa por todas as práticas sociais e é a soma das suas inter-relações» (Hall, 1980, 60). O objetivo dos cultural studies é definir o estudo da cultura própria da sociedade contemporânea como um campo de análise conceitualmente relevante, pertinente e teoricamente fundamentado. No conceito de cultura, estão englobados quer os significados e osvalores, que surgem e se difundem nas classes e nos grupos sociais, quer as práticas efetivas através das quais esses valores e esses significados se exprimem e nas quais estão contidos. Relativamente a tais definições e modos de vida - entendidos como estruturas coletivas - os Mass media desempenham uma função importante, na medida em que agem como elementos ativos dessas mesmas estruturas.

Oscultural studies atribuem à cultura um papel que não é meramente reflexivo ou residual no que respeita às determinações da esfera económica: uma sociologia das comunicações de massa adequada, deve, pois, ter como objetivo expor a dialética que se instaura entre o sistema social, a continuidade, e as transformações do sistema cultural, o controle social. As estruturas e os processos pelos quais as...
tracking img