A paz perpetua de kant

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1113 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Immanuel Kant: A Paz Perpétua e outros Opúsculos

Immanuel Kant há mais de duzentos anos, apresentou no opúsculo A Paz Perpétua (1795), um projeto filosófico para a realização da paz mundial. Na filosofia jurídico-politica kantiana, a paz perpétua é fundamentada em três noções: a constituição republicana, a federação de Estados e o direito cosmopolita. Segundo Kant, onde existem homens há coisaruim. O homem vive em conflito constante há, porém interesses e conflitos; o caso é formular algo que possa vim minimizar isso, do modo pelo qual possa ter união e cooperação, ou seja, Kant pressuponha como fazer para evitar a guerra, sendo que para o filósofo não querer a guerra não quer dizer que não exista conflitos, com isso formula um manual de como viver em paz e de como superar osconflitos.
Em seus pensamentos expostos em sua obra, Kant especula vários modos de como chegar à paz, consistindo em alguns aspectos: não deve considerar como válido nenhum tratado de paz que se tenha feito com a reserva secreta de elementos bélicos, pois poderá vim ocorrer entre estes uma guerra futura. Nenhum Estado independente (grande ou pequeno) poderá ser adquirido por outro mediante herança,troca ou doação, há, porém a soberania do Estado. Os exércitos permanentes devem, com o tempo, desaparecer totalmente, pois implicam na necessidade de haver guerra, exércitos é sinônimo de guerras. A constituição civil em cada Estado deve ser republicana, além da pureza da sua origem, isto é, de ter promanado da fonte do conceito de direito, tem ainda em vista o resultado desejado, a saber, a pazperpétua; É nela que há a ideia de Kant de liberdade singular. O direito das gentes deve se fundar numa federação de Estados livres. O direito cosmopolita deve se limitar as condições da hospitalidade universal.
Se tratando dos contratualistas; A teoria do contrato social foi difundida no século XVII, sendo essa, uma teoria que explica a origem do poder através de um ato de vontade daqueles a elesubmetidos. Kant percebe que o contrato é como uma relação entre iguais, o filósofo adota a relação de passagem do Estado de natureza para o Estado social, uma formulação semelhante à de Locke, que é a importância da fundamentação teórica do Estado liberal. Na concepção kantiana é inexistente a ideia de liberdade dentro do Estado de natureza se encontrar limitada, sendo assim o autor é a favor daaquisição de uma liberdade como autonomia, autonomia esta de criar leis para si próprio. O contrato é uma ideia da razão utilizada para justificar a passagem do Estado de natureza para o Estado civil. O Estado de natureza é, portanto, apenas uma hipótese lógica, uma suposição de como seria a condição humana em um ambiente desprovido das condições sociais e politicas.
Para o gigante filósofo a formaideal de governo é a república. Seguindo o pensamento de Montesquieu, Kant afirma que o Estado possui uma representação, sendo essa composta por três pessoas: o soberano, a autoridade executiva e a autoridade judiciaria. Sendo a maior lei estabelecida pela vontade do povo (legislativo), a menor é o comando para a obediência da lei (executivo) e dada como direito para o caso da questão (judiciário).O poder soberano sendo para o filósofo o legislativo, no qual deve ser exercido pela vontade unida do povo, de modo, que cada um decida para todos e que todos em conjunto decidam para todos. A constituição republicana é a única que garante liberdade e paz.
Na federação dos Estados na concepção kantiana consiste em um ordenamento internacional, no qual assegura a soberania dos Estados, sendo quepossa vim garantir o direito de permanecer em paz com a regra universal.
O cosmopolitismo, sendo um pensamento que despreza as fronteiras geográficas impostas pela sociedade considerando que a humanidade segue as leis do universo sendo assim cosmos. Exemplificando, considera os homens como formadores de uma única nação, não vendo diferenças entre as mesmas, avaliando o mundo como uma pátria....
tracking img