A motivacao como instrumento de comprometimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 28 (6896 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

EMBA- MBA EXECUTIVO EM GESTÃO EMPRESARIAL
PROFESSOR: ANTÔNIO RAIMUNDO DOS SANTOS, Dr.

ANTONIA SIEDEKUM
JANAINA CLERI PUJOL DO PRADO
MICHEL ANDREY FREITAS DE SOUZA

A MOTIVAÇÃO COMO INSTRUMENTO DE
COMPROMETIMENTO ORGANIZACIONAL

CURITIBA
2010
ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING
MBA EXECUTIVO EM GESTÃO EMPRESARIAL

ANTONIA SIEDEKUM
JANAINA CLERI PUJOL DO PRADOMICHEL ANDREY FREITAS DE SOUZA

A MOTIVAÇÃO COMO INSTRUMENTO DE
COMPROMETIMENTO ORGANIZACIONAL

Trabalho acadêmico apresentado à disciplina: Metodologia ESIC de Construção de Conhecimento Empresarial, do curso de MBA Executivo em Gestão Empresarial – EMBA 2010/2011, da ESIC Business & Marketing School, sob a supervisão do prof. Antônio Raimundo dos Santos.CURITIBA
2010
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 1

1. MOTIVAÇÃO 3

1.1 – Teorias Motivacionais 4
1.2 – Teoria da Hierarquia das Necessidades 4
1.3 – Teoria ERC 5
1.4 – Teoria da Motivação – Higiene 6
1.5 – Teoria das Necessidades Aprendidas / Adquiridas 8
1.6 – Teoria da Equidade 9
1.7 – Teoria da Definição de Objetivos 10
1.8 – Teoria da Expectativa / Expectação 11
1.9 – Teoria do Reforço 131.10 – Teoria X e Y 13

2. COMPROMETIMENTO ORGANIZACIONAL 15

2.1 – Programas Motivacionais como Instrumento de Comprometimento Organizacional 16
2.1.1 – Administração Participativa 17
2.1.2 – Remuneração Variável 18
2.1.3 – Horários Flexíveis 20
2.1.4 – Reconhecimento 21
2.1.5 – Trabalho Voluntário 22

CONCLUSÃO 23

referências bibliográficas 24

INTRODUÇÃO

Qualquerorganização, privada ou pública, deve adequar-se aos ditames da administração moderna se pretende manter nível de eficiência aceitável. À iniciativa privada, dado o fervoroso ambiente capitalista, é ainda mais importante adaptar-se aos aspectos da globalização e das constantes evoluções tecnológicas para elevar sua competitividade a fim de garantir lucratividade e manter-se no mercado. Para tantoexistem diversos mecanismos, como a redução de custos, aperfeiçoamento de técnicas, entre inúmeras outras.
Entretanto, não importa qual instrumento ou método a organização utilize, se não houver a participação efetiva de seus colaboradores, nada funcionará.
Assim o comprometimento organizacional talvez tenha se tornado a mais importante ferramenta para elevar a capacidade competitiva deuma organização, pois o capital humano afeta profundamente a relação da empresa com seus clientes, investidores, fornecedores, simplesmente tudo. Atente-se para os dois exemplos a seguir.
Um gerente de uma multinacional, recebedor de remuneração diferenciada por sua produtividade, tendo sob sua responsabilidade o estoque de materiais, receberia peças que ultrapassariam a cota máximoprevista para armazenamento, com isso não atingiria sua meta mensal e perderia alguns benefícios. Para evitar seu prejuízo solicitou que o material ficasse armazenado no porto por alguns dias, mediante pagamento de aluguel, feito pela organização. Garantiu sua bonificação causando prejuízo à empresa.
Para ser um policial do BOPE (Batalhão de Operações Especiais do Rio de Janeiro) deve-se passarpor treinamento que exige o limite de resistência física e psicológica. Após aprovado, o trabalho é desenvolvido em ambientes de guerra, sob constante risco de morte. Ainda assim há diversos policiais tentando fazer parte desse batalhão. O cabo Raul de Araújo reprovou três vezes, uma por excesso de peso e duas por machucar-se nos exercícios, para ele ”estar no Bope é estar no topo’” (VEJA). Osoldado André Silva pensa do mesmo modo, pertencer à elite é sinal de ascensão: “quero entrar, ao lado dos mais preparados, no combate ao tráfico” (VEJA).
Dadas as devidas proporções, são dois modos diversos de comprometimento e motivação. No primeiro exemplo um indivíduo com incentivos financeiros para sentir-se comprometido com sua organização, mas sua única preocupação é consigo mesmo. No...
tracking img