A morte de osma bin laden

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (392 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A MORTE DE OSAMA BIN LADEN
Do UOL Notícias
 A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, disse que a "justiça foi feita" ao comentar a morte de Osama bin Laden. O líder da rede terrorista AlQaeda foi morto em uma operação militar na cidade de Abbottabad, no Paquistão AP Photo/Jacquelyn Martin

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, disse nesta segunda-feira (2) que a"justiça foi feita" ao comentar a morte de Osama bin Laden. Homem mais procurado do mundo, o líder da rede terrorista Al Qaeda foi morto em uma operação militar na cidade de Abbottabad, no Paquistão. A mortede Bin Laden foi anunciada na noite deste domingo (1º) em rede nacional de TV pelo presidente americano, Barack Obama.

"Meus pensamentos e orações aos familiares das vítimas dos ataques, pessoasinocentes, a maioria delas muçulmanos, alvos de Bin Laden em mesquitas, estações de metrô e aviões. Esses não foram ataques apenas contra a América, mas contra o mundo", disse Clinton ao iniciar seupronunciamento, relembrando os atentados de Bali, em 2002, Madri, em 2004, e Londres, em 2005.
"Bin Laden mostrou não ter respeito pela vida humana. Sei que nada pode amenizar a perda dos familiares,mas espero que as famílias possam se sentir aliviadas com o sentimento de que a justiça foi feita", declarou a ex-senadora.
Hillary reforçou que os aliados e parceiros dos Estados Unidos foramfundamentais para encontrar Osama bin Laden. Ela agradeceu, em especial, a cooperação do governo do Paquistão com a qual os EUA colocou "uma pressão sem precedentes sobre a Al Qaeda e seus integrantes"."Abatalha contra a Al Qaeda não termina com a morte de Bin Laden. Vamos redobrar nossos esforços. (...) A história vai lembrar que a morte de Bin Laden veio em um momento importante, onde pessoas naÁfrica e no mundo árabe estão lutando por sua liberdade e pelos seus direitos", disse a secretária em referência às revoltas populares nos países do mundo árabe, onde a população está nas ruas pedindo a...
tracking img