A ludicidade no ensino das frações

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2521 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO
Verifica-se que nos dias atuais os alunos continuam apresentando grandes dificuldades na compreensão e no uso do conceito de fração, assim como nas operações com frações. Com o objetivo de contribuir com algum método que auxilie na superação dessas dificuldades e introduzi-los num processo de aprendizagem deste conceito, procurou-se expor esse tema de forma concisa, porém, clara,definindo e caracterizando as frações de forma a abordar seu ensino através de uma proposta metodológica que possibilite a compreensão pelos alunos através de materiais concretos e atividades lúdicas que possam contribuir para uma melhor assimilação do conteúdo, com um aprendizado eficaz e duradouro.
Palavras-chave: Frações, matemática, ensino, compreensão, ludicidade.
1- INTRODUÇÃO
O primeirocontato da criança com os números se dá na mais tenra idade através de sua idade, quando ela começa a representá-la com os dedinhos, também, através do número de sua casa, do seu telefone ou do canal de televisão. Porém, este primeiro contato se dá com os números naturais, 0, 1, 2, 3, 4,....., fazendo-a compreender facilmente este conceito de representação numérica. No entanto, ao deparar-se com osnúmeros racionais, ela encontra enorme dificuldade em compreender tal grandeza, pois, o conceito de número racional não lhe é natural, este conceito é uma das mais importantes concepções da matemática, no entanto as crianças somente começam a compreendê-lo a partir das perspectivas práticas e psicológicas, vivencia ndo experiências.
O aprender a lidar com frações nas sériesiniciais é tão importante para a criança quanto qualquer outro tipo de aprendizagem matemática, uma vez que este conhecimento a acompanhará para o resto da vida, e estará presente em todo o conteúdo matemático a ser aprendido, além de participar de forma efetiva em seu cotidiano.
A cada dia que passa as escolas de ensino fundamental vêm exigindo menos de seus alunos quanto ao ensino do cálculo comfração e seu uso no dia a dia. A criança tem até uma certa facilidade em compreender a noção de metade, um terço, um quarto, porém, tem dificuldade em entender outras frações, sendo também difícil para elas efetuar operações com estes números racionais.
Torna-se importante no estudo com frações incutir no aluno uma compreensão do que está sendo transmitido, de forma salutar, sem ocasionartraumas, fazendo-o interessar-se pelo assunto, mostrando-lhe a importância da fração na sua vida, para que ele possa construir seu conhecimento com consciência do que está apresentado, sem decorebas e artifícios.
Hoje em dia há vários materiais concretos, jogos e livros que possibilitam o aprendizado de frações, de forma divertida, interessante e atrativa, que conduzem a resultados maissatisfatórios, auxiliando não só o professor, mas também o aluno na construção de seus conhecimentos fracionários, porém, este material não funciona sozinho, torna-se necessária a participação efetiva do professor, seu comprometimento em produzir novas formas de transmitir o conhecimento.
Este artigo busca demonstrar as diversas formas de transmitir este conceito.

REFERENCIALTEÓRICO
HISTÓRIA DAS FRAÇÕES
Por volta de 3000 a.C., os Egípcios perceberam a necessidade de criação de um novo tipo de número. Tal fato se deu após o Faraó Sesóstris dividir as terras às margens do rio Nilo entre os agricultores. Porém, no período compreendido entre junho e setembro, o rio inundava essas terras, desfazendo as marcações, assim, os proprietários das terras eram obrigados a remarcá-las.A marcação das terras era efetuada pelos geômetras ou agrimensores, também chamados de “estiradores de corda, já que mediam os terrenos com cordas, que eram usadas como unidade de medida, ao serem esticadas ao longo do lote, observando-se quantas vezes essa unidade cabia dentro do terreno. A medida, no entanto, nem sempre cabia em números inteiros nos lados dos terrenos, criando-se então os...
tracking img