A importância do ato de ler

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1375 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Exercício em Grupo

1. Faça por escrito, a leitura de identificação do texto “A importância do ato de ler”.

O texto citado acima compõe a primeira parte da obra de título homônimo: “A importância do ato de ler: em três artigos que se completam”, de Paulo Freire.
Paulo Reglus Neves Freire foi um educador brasileiro de destaque, pelo trabalho que desenvolveu na área daeducação popular. É considerado um dos pensadores mais notáveis na história da pedagogia mundial, sendo expoente da chamada pedagogia crítica. Entre suas obras mais importantes destacam-se, além desta em estudo, Pedagogia do Oprimido (1970), Pedagogia da Esperança: um encontro com a pedagogia do oprimido (1992), e ainda, Pedagogia da Autonomia (1996), entre outras.
A obra “A importância doato de ler”, que está atualmente em sua 48.ª edição (2006), foi publicada pela primeira vez em 1982, pela Editora Cortez. É indicada principalmente para graduandos e profissionais da área de Pedagogia, visto que aborda o tema alfabetização/educação de adultos, e é estendida a todos que consideram a suma importância do ato de ler.
Tratam-se de poucas páginas, resultantes de um trabalhoapresentado por Paulo Freire, na abertura do Congresso Brasileiro de Leitura, realizado em Campinas em novembro de 1981.

2. Elabore uma síntese tipo esquema, e uma síntese resumo, do referido texto.
RESUMO

Nesta parte da obra, o autor esclarece que a importância do ato de ler se constitui pela prática da leitura, enfatizando que a leitura do mundo precede a leitura da palavra, poiscomo o próprio autor defende, linguagem e realidade se prendem dinamicamente. Evidencia ainda que esse processo resulta na compreensão crítica transformadora do mundo.
A leitura do mundo - que tem início na infância e vai se manifestando durante toda a experiência existencial –, baseada na visão texto-contexto, se liga, em algum momento, com a leitura da palavra – aqui chamada dealfabetização, ou, em outra instância, de processo ensino-aprendizagem –, traduzida pela ação pedagógica e realizada pelos eixos educador - educando, que num ato criador, promovem a decodificação da realidade. É importante ressaltar que o processo da leitura, à medida que se perfaz, torna-se ato de libertação, ao mesmo tempo que sua prática conduz ao desenvolvimento da percepção crítica, fundamental nodesvelamento do mundo, com destaque à indissociação entre o ato de ler e o ato de escrever.
Percebe-se ainda, pelas palavras do autor, a importância dada à superação da visão mágica da palavra escrita, na relação estabelecida entre quantidade e qualidade de leitura. É importante ler bastante, sobretudo os clássicos, porém é mais importante ainda, ler compreendendo, a assim, criar uma disciplinaintelectual que dê suporte ou viabiliza a prática educativa. Resta ainda assinalar, a natureza política do ato educativo, considerado por Freire como um ato criador, que culmina num movimento dinâmico em que a leitura de mundo precede a leitura da palavra e mais, influencia a forma de reescrever esse mundo e de transformá-lo pelo exercício da prática consciente.
Do texto de Freire extrai-seque o ato de ler, enquanto movimento dinâmico, é capaz de possibilitar a passagem da consciência mágica à consciência crítica, dando visibilidade ao papel político da educação, tornando-a instrumento de ação contra-hegemônica, que pela prática de construção e libertação, transforma o ser humano em sujeito da história.
3. Indique três intertextualizações explícitas ou implícitas no texto.Justifique os porquês dessas inferências.

Pela leitura do texto, notam-se referências de alguns autores, como seguem:

• As teses sobre Feuerbach, de Marx
Tal citação aparece no texto para exemplificar a relação quantidade/qualidade de leitura quando da magicização da leitura da palavra. Paulo Freire considera a importância de ler bastante, porém com qualidade, ou...
tracking img