A hora da alma

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (698 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A HORA DA ALMA
(Roberto A. Trajan - 130 / Ano 1 – Fórum – Pequenas Empresas e Grandes Negócios)

Em pleno terceiro milênio, muitas empresas insistem em trocar mercadorias e serviços pordinheiro, em transações mercantis frias e efêmeras. Os tradicionais departamentos de vendas se relacionam com os tradicionais departamentos de compras, cujas negociações repetem os velhos bordões sobrepreços, prazos e descontos. Feito o pedido, a relação frívola se estende para as áreas de contas a receber e contas a pagar. Se o pedido era a peça mais importante no ato da venda, agora é o fluxo de caixaque assume esse papel.

Entre as empresas e seus consumidores, a relação não é diferente. É comum um vendedor “empurrar” a mercadoria da prateleira e a funcionária do caixa se preocupar mais emteclar o seu computador do que em dar atenção ao cliente. Nesse caso, o estoque e a tecnologia são as peças principais.

Relações frias e efêmeras! Até quando as “coisas”terão mais prioridade do que as“pessoas”? É claro que o castigo vem a cavalo. Tais empresas ressentem-se de não conseguir fidelizar clientes, reclamam que eles mudam de fornecedor tão logo o concorrente acena com melhores condições:que só querem mesmo é levar vantagem. Ora! Se os clientes não foram escolhidos como “peças” principais, por que esperar que priorizem a empresa quando precisam comprar algo?

Transação mercantil,apenas, é muito pouco para concorrer nos dias de hoje! As empresas precisam estar comprometidas com clientes. Isso significa ir além do pedido, da nota fiscal e da duplicata. Significa entender onegócio do cliente e ajudá-lo a ter lucro. A meta é estabelecer uma relação duradoura. Todos os funcionários devem pensar soluções e alternativas para que os clientes obtenha sucesso no seu negócio. Isso écolocar a “alma”da empresa fornecedora a serviço da empresa-cliente.

Não é diferente quando o cliente é o consumidor final! Afinal, qual é a alma do negócio? É fazer com que as pessoas...
tracking img