A globalização e o papel das ong’s na sustentação da economia informal

A GLOBALIZAÇÃO E O PAPEL DAS ONG’S NA SUSTENTAÇÃO DA ECONOMIA INFORMAL

VIEIRA, NALDEIR SANTOS. A globalização e o papel nas ONGs na sustentação da economia informal: Programa de Pós Graduação emAdministração, Universidade Federal de Pernambuco- UFPE, Recife.

1 CREDENCIAIS DA AUTORA

Naldeir Santos Vieira, participante do Programa de Pós graduação em Administração, da Faculdade Federalde Pernambuco.
VIEIRA, Naldeir Santos. Do artigo: A globalização e o papel das ONGs na sustentação da economia informal. Apresentado ao III Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia. Recife:Pernambuco-UFPE.

2 RESUMO DA OBRA

O artigo aborda a questão do papel das ONGs no mundo globalizado e na sustentação da economia informal. Inicialmente aborda os fatores geradores e asimplicações do processo de globalização. Discute-se as causas da ampliação da economia informal, suas demandas e o papel das ONGs no apoio e realizações de projetos de geração de trabalho e renda, identificandoque o processo de globalização propiciou a ampliação da economia informal, fazendo com que um grande número de pessoas necessitem do apoio de projetos assistenciais, promovendo o aumento da demandapor parte da população como beneficiários aos projetos existentes.

3 RESENHA

No capítulo inicial há uma introdução sobre o tema abordado, onde fica definido que a globalização é um fenômenocapitalista e complexo que é muito debatido atualmente.
Com base em estudos recentes, pode-se considerar também, que a globalização é o principal processo de aprofundamento da integração econômica,social, cultural e política.

Segundo a autora, “há várias explicações sobre os efeitos da globalização. Alguns consideram efeitos positivos e inclusivos, enquanto outros consideram negativos eexcludentes, ou seja, contribui para a ampliação entre ricos e pobres.”

O segundo capítulo trata a tentativa da autora em relacionar a abordagem do papel das ONGs no contexto de globalização,...