A falta de ética na propaganda

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1343 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução:

• O que é ética?

Várias definições nos vêm a cabeça quando ouvimos esta palavra:ética. Desde as concepções maternas, nos ensinadas em casa ainda quando pequenos, até as mais complexas definições filosóficas. Entre os inúmeros filósofos da civilização greco-romana, Aristóteles se destaca por defender a ética unida à filosofia política, meio pela qual ela é mostrada, segundo ele,à sociedade. No seu pensamento o homem deve buscar o equilíbrio entre ele e a sociedade onde vive, pois dela necessita.
''A excelência moral, então, é uma disposição da alma relacionada com a escolha de ações e emoções, disposição esta consciente num meio termo (o meio termo relativo a nós) determinado pela razão (a razão graças a qual um homem dotado de discernimento o determinaria).Trata-se de um estado intermediário, porque nas várias formas de deficiência moral há falta ou excesso do que é conveniente tanto nas emoções quanto nas ações, enquanto a excelência moral encontra e prefere o meio termo. Logo, a respeito do que ela é, ou seja, a definição que expressa a sua essência, a excelência moral é um meio termo, mas com referência ao que é melhor e conforme ao bem ela é umextremo'' (Aristóteles, 1992, p.42).
Conforme nos é dado através dos nossos antepassados, a ética, apesar de ter vários conceitos, é uma ideia geral de respeito ao próximo, virtudes necessárias e moral para que possamos nos dar bem como sociedade e em nossas atividades interpessoais. Sejam no trabalho, em casa, na escola ou simplesmente entre amigos.
Como na ideia geral de sociedade, não poderiafaltar, ou não deveria pelo menos teoricamente, ética dentro do mercado de propaganda, publicidade e do marketing. Mais do que essencial em um meio onde há relacionamento entre clientes, agências e público-alvo, trabalhando conceitos e concepções já formadas, na tentativa de mudança dos mesmos.
Descreveremos, então, durante este trabalho falta de relação da ética dentro da propaganda. Muitos nãosabem, mas assim como na sociedade, existe um código de ética a ser seguido. Tentaremos mostrar algumas características e o exemplo de não seguimento delas, mostrando a situação, defendendo a ética como necessidade para um convivência saudável neste mercado tão competitivo.

História do Código de Ética:

Reconhecida a necessidade de ética dentro do mercado publicitário, em Outubro de 1957 foiaprovado o I Congresso Brasileiro de Propaganda, realizado no Rio de Janeiro, na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI). O código de Ética compõe-se de cinco pontos com declaração de propósitos, oito definições sobre a atividade publicitária, treze normas a serem seguidas pelo segmento e seis recomendações de comportamento ético.
Este código vigorou de 1957 a 1965 como pactoentre as partes envolvidas na atividade publicitária, passando então por força do art. 17 da lei número 4680, a ter força de lei. Como vimos a necessidade da ética na propaganda foi enxergada e para fazê-la presente se criou o código. Porém, para muitos a presença dele não fez diferença em partes. É o que vamos ver no próximo tópico.

A manipulação da verdade e a falta de ética na propaganda:Assim como na sociedade, para desfrutar de terceiros e leigos, a falta de ética é usada para usufruir na propaganda. Isso acontece, principalmente na famosa ''propaganda enganosa'', que objetiva vender a qualquer preço seu produto, mesmo que ainda assim usando de mentira, anunciando produtos ou serviço com qualidades diferentes da realidade, e também, muitas vezes, apelativas.

''Pessoas podemtransformar uma péssima localização num lugar de peregrinação. Pessoas podem transformar um ponto central, bem localizado, num lugar a ser evitado. Pessoas podem convencer outras a pagar um pouco mais caro. Pessoas podem fazer outras não se sentirem recompensadas por pagar menos. Pessoas podem fazer com que a realidade confirme a publicidadde. Pessoas podem desmentir a publicidade. Pessoas...
tracking img