A etica e psicanalise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2708 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A ÉTICA NA PSICANÁLISE
ETHICS ON PSYCHOANALYSIS
Miriam Izolina Padoin Dalla Rosa1 Andrinea Cordova da Rosa2 ROSA, M. I. P. D; ROSA, A. C. A Ética na psicanálise. Akrópolis, Umuarama, v. 17, n. 1, p. 41-44, jan./mar. 2009.
Resumo: Este artigo trata da Ética sob o olhar da Psicanálise, a partir das idéias de Freud e Lacan. A ética em Psicanálise está em não fazer promessas enganosas de sucessoabsoluto sobre o mal-estar humano, pois um processo de análise é ético quando o analista não antecipa as respostas ao analisante, não atendendo à sua demanda, e este se torna capaz de reconhecer qual é seu desejo, qual a origem de seu sofrimento (sintoma), e como seu sofrimento está relacionado com suas escolhas na vida. Portanto, consideramos o inconsciente como guia das escolhas humanas, poisacreditamos que seja possível para o homem usar sua potência criadora, podendo ser “ético”, a partir de seu desejo. PalavRas-chave: Ética; Psicanálise; Desejo inconsciente. abstRact: This article addresses ethics on psychoanalysis under the gaze of Freud and Lacan’s ideas. Ethics in psychoanalysis remains on not making misleading promises of absolute success over discontent, as a analysis process isethical whenever the analyst does not prejudge the patient’s answers, not attending to his demand, and becomes capable of recognizing which his desire is, what the origin of his pain (symptom) is, and how his suffering relates to his own choices in life. Therefore, we consider the unconscious as a guide for human choices; we believe it is possible for man to use his creative power, possibly being“ethical”, from his own desire. KeywoRds: Ethics; Psychoanalysis; Unconscious desire.

1

Graduada em Psicologia pela UNIJUÍ/RS; Especialista em Metodologia do Ensino Superior pela UNIGRAN/MS, Mestre em Educação pela UAA/PY e Pós-graduanda em Psicanálise Clínica e Cultura pela UNIPAR/ PR, Docente na Unipar, Campus Toledo e Cascavel dallarosa@unipar.br Bacharel e Licenciada no Curso de Históriapela Unioeste- Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Graduada em Psicologia/ UNIPAR- Universidade Paranaense. Aluna monitora da Pós em Psicanálise Clínica e Cultura andynhapsico@hotmail.com

2

Recebido em Maio./2008 Aceito em Setembro./2008

Akrópolis, Umuarama, v. 11, n. 1, p. 41-44, jan./mar. 2009

41

ROSA, M. I.; ROSA, A. C. INTRODUÇÃO O presente artigo pretende discutir a Éticaem Psicanálise, conceito este que necessita de uma análise singular que ultrapasse o conceito que comumente lhe atribuímos. Segundo Cotrim (2002, p. 263), a palavra “ética (do grego ethikos, significa costume, comportamento)” pode ser compreendida como a disciplina filosófica que reflete sobre os sistemas morais elaborados pelos homens e compreende a função das normas e interdições de cadasistema. Nesse sentido, para a Filosofia, o homem possui valores próprios que regulam a vida em sociedade, e, como já disse Aristóteles, o homem se difere dos animais pela sua característica humana, a de possuir o sentimento do bem e do mal, do justo e do injusto. Assim, por herança da Filosofia, se tornou comum que, ao nos depararmos com o tema ‘Ética’, de imediato o associamos à questão do bem,associamos a um conjunto de práticas que rege a ação humana, às normas e regras próprias do social que conduzem para um bem-viver (um bem-estar). Entretanto, podemos nos perguntar: o homem da atualidade é justo? Sabe discernir entre o bem e o mal? Para responder estas perguntas, é necessário considerar que há algo mais do que a ética proposta pela filosofia, pois basta olhar com atenção para as atitudesdo homem para perceber suas ações destrutivas. Ou seja, o homem tem dificuldades para ser justo. O homem polui, destrói sua casa (a natureza), fere e mata seu semelhante e a si mesmo, adoecendo, produzindo sintomas que marcam seu corpo, fazendo escolhas que lhe causam sofrimento. Para Freud (1995, p.137), o maior estorvo à civilização “é a inclinação, constitutiva3, dos seres humanos, para a...
tracking img