A entrevista inicial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1221 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Entrevista Inicial

A condução de uma entrevista inicial eficaz envolve o domínio de duas habilidades: primeiro, estabelecer uma atmosfera agradável e de aceitação a fim de que o cliente se comunique livremente; segundo, obter informações necessárias sobre os problemas do cliente de tal forma que se possa fazer uma avaliação adequada da situação e desenvolver um plano apropriado detratamento.
A primeira entrevista é geralmente uma situação amedrontadora, tanto para o cliente quanto para o terapeuta principiante. Os clientes geralmente não se sentem a vontade quando se trata de pedir ajuda a um profissional, mostrando-se tão ansiosos com relação a este fato quanto a respeito dos próprios problemas. Os clientes poderão, ainda, se indagar a respeito da competência do terapeuta, ou seos seus problemas não serão muito sérios ou chocantes para um principiante. Infelizmente, as expectativas de beneficio devem, às vezes, ser bastante grandes para compensar os medos envolvidos.
Além de responder as percepções do cliente, todo terapeuta experimenta suas próprias ansiedades em relação à entrevista inicial. Seu próprio receio de ser visto como incompetente; fracasso no sentido decontrolar a entrevista; não saber o que dizer; ou se defrontar com um cliente pouco cooperativo, calado, ou, pior ainda, um cliente hostil, que poderão interferir seriamente na entrevista. É necessário que você tenha um bom controle de suas próprias ansiedades, a fim de aliviar os medos dos clientes e assim conduzir uma sessão produtiva, apenas a experiência crescente lhe dará uma solida sensação deconfiança e competência como terapeuta.





Para que o desenvolvimento da entrevista inicial seja eficaz é importante que o cliente compreenda como funciona o processo de coleta de dados, por exemplo, como exigências de supervisão ou de gravação. O terapeuta poderá dar inicio a sessão com as seguintes indagações: “O que o traz aqui?” ou “Em que posso ajudá-lo?”
O cliente geralmente começaráfalando sobre alguns aspectos de suas dificuldades e o terapeuta pode pouco a pouco conduzi-lo no sentido de esclarecer e ampliar a sua compreensão. Alguns clientes poderão fornecer variedades de tópicos que não estão relacionados à sua necessidade de terapia. “Neste caso o terapeuta devera direcioná-lo as suas áreas problemáticas com alguns comentários: “seria bom voltarmos as suas preocupaçõescentrais” “Como isto se relaciona com os problemas que o trouxeram a clinica?”
A obtenção de informação relevante a respeito do cliente ou de seus componentes poderá ser algo simples e direto.
Alguns clientes irão procurá-lo sem saber a razão pela qual estão intranqüilos: poderão estar muito emocionados, confusos, temerosos e calados, enquanto que outros começam a falar de seus problemas e nãoconseguem continuar porque a experiência de simplesmente dizer a outra pessoa aquilo que os incomoda é, em si mesma, uma experiência extremamente perturbadora. Muitos clientes choram no inicio da entrevista, o que deve ser esperado pelo terapeuta. Nestas situações é importante que o terapeuta tranqüilize o cliente demonstrando sua compreensão, preocupação, aceitação e apoio. Quando o clientepercebe que esta sendo tratado com respeito, com boa vontade, ele se dispõe a falar sobre suas angustias e fraquezas.






Diante a ansiedade do cliente um bom entrevistador é sensível tanto aos sinais verbais como aos não-verbais, de mal estar do cliente, suas preocupações etc. Existem outras maneiras de dar assistência ao cliente. Por exemplo, uma especificação clara das espécies de informaçãoque você deseja poderá reduzir consideravelmente a ansiedade do cliente.
A preocupação central do terapeuta numa entrevista inicial devera ser o problema apresentado pelo cliente, a fim de realizar uma avaliação de quaisquer riscos ou crises imediatos com os quais o cliente possa estar se defrontando. O relato verbal do cliente sobre si mesmo e as observações do terapeuta sobre o estado...
tracking img