A eclesiologia de lutero

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1999 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A ECLESIOLOGIA DE LUTERO
O SIGNIFICADO DA IGREJA
Lutero sempre destacou a importância da Igreja. Seu objetivo não era dividir a Igreja Cristã e tampouco começar uma nova, mas reformar a já existente. “Ele se revoltou contra a igreja por causa da igreja". Ele usa termos para a Igreja como fortaleza, castelo, aposento e até mesmo a "digna donzela". “A igreja cristã é tua mãe”, dizia Lutero,“que te faz nascer e te guia pela Palavra” . Para ele, fora da igreja, não há salvação e apesar dela também existir como instituição, não é esta a sua existência primária. Declara que a “Igreja, porém, não é pedra nem madeira, mas é o conjunto de pessoas crentes em Cristo”. Ele não gostava do termo alemão “kirche” que significa templo, mas preferia termos como “gemeine” (comunidade) e versammlung(assembléia) Lutero contestava muito a identificação da igreja como uma instituição humana, como fazia a igreja de Roma ao legitimar o papa como representante de Deus na terra, por exemplo. Criticava a interpretação católica de Mt 16 dizendo que a rocha na qual a igreja foi fundada não foi Pedro, mas sim a declaração de fé de Pedro.
Lutero também não concordava com o pensamento dos anabatistas queacreditavam ser possível ter uma igreja totalmente santa, excluindo todos que não tivessem uma vida digna. Para ele não há como separar agora quem são os verdadeiros cristãos, a igreja é um corpo misto. “Não cabe a nós fazermos esta separação, o próprio Jesus o fará”.
Neste contexto de igreja, somente o Evangelho era mais importante que ela. Enquanto o catolicismo medieval ensinava que foi aigreja quem nos deu o evangelho Lutero declarava que o evangelho é quem nos deu a igreja. Quanto ao reconhecimento da verdadeira igreja, ele destacava três características que deviam ser essenciais: a perseguição (quando a igreja sofre mais perseguições é que fica mais nítida a sua glória), o sofrimento e a humildade. Ela deve seguir o exemplo do seu fundador, que também foi perseguido, sofreu eviveu o seu ministério de forma plenamente humilde.
SACERDÓCIO DE TODOS OS CRENTES
Lutero não ensinou a idéia de crentes individualistas, cada um buscando a sua maneira a presença de Deus. Ele sempre enfatizou o valor da comunidade ao lado do sacerdócio universal. Isto se resumia a dois pontos principais:a) todos tem acesso a Deus; 2) o ministro não está acima dos demais membros da igreja. Dessaforma, não há de se crer num clero especializado para nos levar a presença de Deus, e nem muito menos para interpretar a Bíblia. Isto não significa dizer que Lutero aboliu a função do ministro. O pastor é um ofício especial e tem seu valor dentro da comunidade, porém, numa emergência qualquer, um membro da igreja pode pregar, batizar, julgar doutrina, orar, etc. A interpretação das escrituras nãopode ser uma atividade exclusiva do magistrado da igreja. Outro ponto importante sobre o Ministro é que ele deve ser escolhido para a igreja, e não simplesmente ser imposto pela Igreja. E mais, a ordenação não é indelével, ou seja, se ele não cumprir a sua missão pode ser tirado do cargo.
O CULTO: PREGAÇÃO E MÚSICA
Lutero manteve a música nos cultos, mas excluiu aquelas que não estavam de acordocom o Evangelho. Considerava o coral da congregação um poderoso meio de edificação e não acreditava que alguém destituído de dom para a música pudesse vir a ser bom educador ou bom pastor. Julgava que nenhuma arte tinha mais afinidade com a Teologia do que a música. Mesmo que diante desta declaração evidente pelo seu dom para a música, para Lutero, o centro do culto cristão é a pregação. O momentomais importante na assembléia cristã é a pregação da palavra. Como dizia Lutero “Se a palavra de Deus não é pregada seria melhor que os homens não cantassem ou lessem ou se reunissem” . Este foi mais um dos pontos de discordância com a igreja católica medieval que tinha a Eucaristia e todo seu significa místico e supersticioso como o momento mais importante do culto.
Em relação também a...
tracking img