A crise 1929

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1013 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo acerca da crise de 1929


No início do século XX, os Estados Unidos viviam o seu período de prosperidade e de pleno desenvolvimento, até que a partir de 1925, apesar de toda a euforia, a economia norte-americana começou a passa por sérias dificuldades.
O dia 29 de outubro de 1929 nos Estados Unidos é considerado popularmente o início da Grande Depressão. Porém, as taxas na queda daprodução industrial americana já haviam começado a cair a partir de julho do mesmo ano, causando um período de leve recessão econômica que estendeu-se até 29 de outubro, quando valores de ações na bolsa de valores de Nova Iorque, a New York Stock Exchange, caíram drasticamente, desencadeando a Quinta-Feira Negra.
Assim, milhares de acionistas perderam, literalmente, da noite para o dia, grandessomas em dinheiro.
Abalados pela crise, os Estados Unidos reduziram a compra de produtos estrangeiros e suspenderam os empréstimos a outros países, ocasionando uma crise mundial.
Um exemplo disso é o Brasil, que tinha os Estados Unidos como principal comprador de café. Com a crise, o preço do café despencou e houve uma superprodução, gerando milhares de desempregados no Brasil.
Por causa da GrandeDepressão, o comércio internacional de produtos caiu drasticamente.
A Austrália, que dependia da exportação de trigo e algodão, foi um dos países mais severamente atingidos pela Depressão no Mundo Ocidental. A taxa de desemprego alcançou um recorde de 29% em 1932, uma das mais altas do mundo até os dias atuais.
As exportações de produtos agrários e minérios, tais como café, trigo e cobre, depaíses da América Latina, caiu de 1,2 bilhão de dólares em 1930 para 335 milhões de dólares em 1933, aumentando para 660 milhões de dólares em 1940. Os efeitos da crise fizeram com que em alguns destes países, muitos agricultores passassem a investir seu capital na manufatura, causando a industrialização destes países, em especial, a Argentina e o Brasil.
Uma crise econômica é, basicamente umdesequilíbrio entre produção e consumo, quase sempre localizado em setores isolados da economia. Esses desequilíbrios sempre ocorreram, mesmo antes do capitalismo, quando acontecia, por exemplo, a escassez súbita de um bem, provocada, quase sempre, por fatores naturais (secas, inundações, epidemias, etc.) ou acontecimentos sociais (guerras, revoluções, etc.). O aumento da produção não acompanhou oaumento dos salários. Além de a mecanização ter gerado muito desemprego.
No caso Europeu , nos vimos logo em imediato a guerra mundial sofrer bastante crise económica, mesmo entre os países que haviam vencido o conflito. Os primeiros anos na década de 20 foram de grande prosperidade económica , mais lá pelos anos de 1926 e 1927 os primeiros sintomas da crise que começavam a se anuciar .
O desempregoatingiu em todo o mundo limites quase incalculáveis.
Esta crise não deixou nenhuma classe social de fora, atingiu a todas de forma muito violenta.
As classes médias viram-se afectadas pela multiplicação das falências no comércio, no artesanato e na indústria.
A própria burguesia foi afectada por numerosas bancarrotas.
Os camponeses ficaram arruinados e os operários no desemprego.Especialistas americanos anuciavam uma possibilidade de crise sistêmica, mas não foram ouvidos e a crise se espalhou para toda Europa e os países da África, Ásia e América latina .
Naquele ano de 1929 a sociedade viveu o ápice de uma super produção económica e a crise financeira nos anos seguintes, os norte americanos tentaram resolver a crise utilizando ainda mecanismos tradicionais.
A solução para acrise surgiu apenas no ano de 1933. No governo de Franklin Delano Roosevelt, foi colocado em prática o plano conhecido como New Deal. O New Deal (numa tradução literal, "novo acordo") surgiu com base no pensamento do economista John Maynard Keynes, segundo o qual, em determinados períodos, o Estado deve intervir na economia, regulando-a.
Foi o que Roosevelt fez, intervindo em todo o sistema...
tracking img