A casa caiu

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2121 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A casa caiu |

Esta peça foi adaptada a partir do filme “A casa caiu”.Duas peças com muito humor, adrenalina e restauração para sua família. 
A Casa Caiu é um DVD que possui duas peças da Cia de Artes Jeová Nissi: “Socorro! O pastor vem jantar em casa” e “Retratos”. As peças foram gravadas na cidade de Mauá (SP), em julho deste ano de 2010. 
Socorro! O pastor vem jantar em casa conta ahistória de uma família de classe média, que mora na cidade de Ibaté, interior de São Paulo. No decorrer da peça o espectador poderá, ou não, se identificar com uma das personagens ou quem sabe com a família inteira: Pai aposentado, filha que estuda no Ceará e mãe que administra a casa. Durante a visita surpresa, do pastor da cidade, máscaras cairão! Com leve pitada de humor, o espetáculo fala sobrerelacionamento familiar, traição, jogatina, hipocrisia entre outros assuntos do cotidiano.
Retratos fala sobre família, mas com abordagem diferenciada, fazendo analogia com três histórias bíblicas: Tamar, filha do Rei Davi; Abel e Caim e o Filho Pródigo. Também com humor, algo característico da Cia, o texto fala sobre relacionamento familiar, homicídios, batalha espiritual, compaixão e amor aopróximo.Fonte: http://www.gospelgoods.com.br/produto.php?prod=2486Objetos utilizados para esta peça:Mesa, 5 cadeiras, 1 bolo, 1 celular, roupas extravagantes para os espíritos, maquiagem para os espíritos, bonecaTEATRO: A CASA CAIU1ª CENA APRESENTAÇÃO:Mãe: Meu nome é Amanda tenho 40 anos, sou mãe dessa família, tenho 3 amantes e ninguém sabe, na verdade acho que nem Deus sabe e se sabe não tá nem aí praisso.Pai: Olá! Eu sou Raimundo, tenho 43 anos e sou o pai dessas crianças, mas eu jogo no bingo e um dia eu vou ganhar,e vou deixar tudo largado messe mundão.Filho: Eu sou Fernando, tenho 21 anos, sou um jovem comum como a maioria, vou pra balada, fumo um baseado e tenho um sonho de pegar minha moto e sair por ai.Filhar caçula: Olá! Meu nome e Dani, tenho 13 anos, sou desprezada por minhafamília, eles não dão a mínima pra mim, eu tenho um sonho, é morrer, não tenho mais prazer de viver.Filha: Olá! Meu nome é Sabrina, e eu tenho 15 anos, mas acabei de descobrir que eu estou grávida. Mas não ligo para isso, sabe porque? Eu roubei o dinheiro do meu pai e talvez eu faço um aborto e daí?2ª CENAMÃE: Chegamos da Igreja e o culto hoje foi maravilhoso.SABRINA: Mainha foi maravilhoso, porque hojefoi o dia ministrei o louvor.EMPREGADA: Olá gente! Eu sou Maria, a empregada dessa família. Hoje é aniversário de Sabrina e eu estou preparando um bolinho para ela, e pelo cheirinho, hummm está quase pronto. Eu vou até lá terminar, tá bom?(TODOS SE ASSENTAM À MESA)MÃE: Parabéns minha filha.SABRINA: Obrigada mãe.PAI: E aí filha, gostou do presente do papai?SABRINA: Gostei.MÃE: Você viu que presentelindo que sua avó mandou pra você?SABRINA: E a velha lembrou de mim não foi!!!DANI: E você gostou do presente que eu te dei?SABRINA: E aquilo era presente que se dê pra alguém garota?ESPÍRITO DE INFERIORIDADE: A mamãe não gosta de você, sua família tem vergonha de você. Sua burra, se joga na calçada! Não, não, entra no microondas coloca um minuto e bummm! Já era! Olha eu vou te mostrar o queacontece na sua casa, menininha tão bonitinha. (Fala pra mãe) Mãe, mãe, compra um presente pra mim?MÃE: Não!ESPIRITO DE INFERIORIDADE: Mana, você deixa eu usar aquela blusa sua?SABRINA: Não!ESPIRITO DE INFERIORIDADE: Mano, compra um presente pra mim?IRMÃO: Não!ESPIRITO DE INFERIORIDADE: Pai, você vai na reunião da escola comigo?PAI: Não!ESPIRITO DE INFERIORIDADE: Venha cá, eu sei o que eles fazem comvocê. Venha aqui neném! Você é tão humilhada, rejeitada, senta aqui eu vou te dar um carinho. Eu vou cantar uma musiquinha pra você tá bom! Canta comigo tá? Lá em casa, rejeitada, ninguém me ama, ninguém me quer, humilhada, abandonada, ninguém me ama, ninguém me quer, um dia vou crescer cortar os meus pulsos e desaparecer. Humilhada, rejeitada, ninguém me ama, ninguém me quer.Eu posso parecer...
tracking img