A atmosfera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7358 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A atmosfera
Camadas da atmosfera
A Figura 1 abaixo dá o esquema das camadas atmosféricas com dados de altitudes, temperaturas e pressões. É evidente que são dados médios e que as transições não são abruptas conforme a figura pode sugerir.
Notar que a mudança de uma camada para outra se dá pela mudança do comportamento da variação de temperatura. Nas transições, ocorrem pequenas faixas detemperatura constante e depois os sentidos das variações se invertem.
A primeira camada, troposfera, contém cerca de 80% da massa total da atmosfera. A tropopausa é a camada de transição para a seguinte (e nomes de construção semelhante para as demais transições).
A estratosfera contém cerca de 19,9% da massa total e muito pouco vapor d'água.
Portanto, nas duas primeiras camadas está a quasetotalidade do ar, o que pode ser observado pelos minúsculos valores de pressão nas camadas superiores.

Camadas da Atmosfera
Composição do ar
A tabela abaixo mostra os percentuais volumétricos dos principais componentes do ar seco. Os gases nobres (argônio, criptônio, hélio, neônio, xenônio) são mantidos por processos radiológicos ou são de caráter permanente.
O gás de maior percentual,nitrogênio, tem importantes funções para os seres vivos. Compostos de nitrogênio no solo são fundamentais para o crescimento de plantas e, portanto, para toda a cadeia biológica. A fixação do nitrogênio no solo se dá por diferentes processos: atmosférico (raios quebram moléculas de nitrogênio que formam óxidos com o oxigênio e estes formam nitratos com água da chuva que os leva para o solo), industrial(os fertilizantes produzidos artificialmente) e biológico (certos tipos de bactérias). Outros tipos de bactérias convertem os nitratos em nitrogênio gás, retornando-o para a atmosfera. É o chamado ciclo do nitrogênio.

Gás Porcentagem por vol
Argônio (Ar) | 0,93 |
Criptônio (Kr) | 0,0001 |
Dióxido de carbono (CO2) | 0,036 |
Hélio (He)| 0,0005 |
Hidrogênio (H2) | 0,00005 |
Neônio (Ne) | 0,0018 |
Nitrogênio (N2) | 78,08 |
Metano (CH4) | 0,00017 |
Óxido nitroso (N2O) | 0,00003 |
Oxigênio (O2) | 20,95 |
Ozônio (O3) | 0,000004 |
Xenônio (Xe) | 0,000001 |
|
|
|
http://www.mspc.eng.br/quim1/quim1_086.shtml |
Argônio - Ar |
|
Gás nobre | |
Dados básicos / Elementos adjacentes | |
Númeroatômico | 18 |
Peso atômico | 39,948 |
Elétrons | [Ne]3s23p6 |
HistóriaDo grego argos (inativo). Henry Cavendish, cientista inglês, suspeitou da existência em 1785. Descoberto por John Strutt, 3rd Baron Rayleigh (físico inglês) e Sir William Ramsay (químico escocês) em 1894. | |
|
DisponibilidadeA atmosfera terrestre contém 0,934% em volume e 1,29% em massa de argônio. A atmosfera de Martecontém 1,6% do isótopo 40 e 5 ppm do isótopo 36. O isótopo 40 também foi detectado em Titã, satélite de Saturno. |
|
|
|
Produção | |
|
|
Destilação fracionada do ar líquido. |
|
|
Propriedades | |
|
|
Tanto o gás quanto o líquido são incolores e inodoros. Tem solubilidade em água similar à do oxigênio e cerca de 2,5 vezes a do nitrogênio. É um elementoinerte, não forma compostos. |
Grandeza | Valor | Unidade |
Massa molecular | 39,948 | g/mol |
Massa específica do gás (15ºC e 1 atm) | 1,67 | kg/m3 |
Idem, na temp ebulição e 1 atm | 5,853 | kg/m3 |
Massa esp do liq na temp ebulição e 1 atm | 1392,8 | kg/m3 |
Ponto de fusão | -189,3 | °C |
Calor de fusão | 1,18 | kJ/mol |
Ponto de ebulição | -185,8 | °C |
Calor de vaporização | 6,5 |kJ/mol |
Temperatura crítica | -122,2 | °C |
Pressão crítica | 4898 | kPa |
Massa específica crítica | 537,7 | kg/m3 |
Temperatura do ponto tríplice | -189,4 | ºC |
Pressão do ponto tríplice | 68,7 | kPa |
Cp (a 100 kPa e 25ºC) | 0,02 | kJ/(mol ºC) |
Cv (a 100 kPa e 25ºC) | 0,012 | kJ/(mol ºC) |
Relação Cp / Cv (a 100 kPa e 25ºC) | 1,664 | - |
Viscosidade a 0ºC e 1 atm |...
tracking img