A arte fa estrategia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1119 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A ARTE DA ESTRATÉGIA

Anderson Henrique Leonardo Dall Alba
Gilson Aparecido Araujo
Ronaldo Novacki
Suzane Cristina Ferst


RESUMO

Com a divisão de vários pontos da estratégia fica mais fácil compreender o poder da estratégia em cima de cada um, deste modo o uso de espiões, formas de ataque, conhecimento dos pontos fracos e fortes das duas partes e em um modo geral a condução daguerra sendo traçado passo a passo torna-se mais eficiente o ataque.

INTRODUÇÃO

Neste trabalho vamos verificar a necessidade de uma estratégia par um bom andamento de uma empresa que traça um objetivo que deve ser alcançado, para alcançar devemos ter uma boa estratégia, também vamos falar do livro que define bem uma estratégia que é o ´´A Arte da Guerra`` relatado pelo imperador SunTzu por volta de 500 a.C., que descreve bem os pontos da estratégia.


DESENVOLVIMENTO

Na gestão de empresas se fala muito em estratégia, sendo que na maioria das empresas o fato que as criteriosas ações de planejamento consomem muito tempo mais do que colocarem em praticas, deste modo elas acabam adotando procedimentos anormais levando as anomalias.
Com uma boa estratégia secoloca o andamento da empresa em que permite os lideres traçar metas e ter embasamento na hora das tomadas de decisões determinado o ponto chave de cada processo ali empregado.
Uma boa estratégia é que define um bom empreendedor, para avaliar as estratégias devemos ter foco no sistema de gerenciamento levando em conta os pontos positivos e negativos de sua empresa e assim traçando suamelhor estratégia para alcançar os melhores resultados visando o maior lucro sem avarias.
No livro A Arte da Guerra, mostra bem as formas de se efetuar uma estratégia, sendo ali mostrando a melhor estratégia para guerra. De modo que podemos dizer que na guerra tudo tem que ser calculado examinando o tempo terreno, estação, clima, comando e assim você vencera a guerra e também devemos estudar bemnossos inimigos ver o ponto mais fraco deles e atacamos e assim ganhado pontos e a confiança de sua autoridade.
Tzu, 2004a, p. 37. Portanto, quando capaz, finja ser incapaz; quando pronto, finja estar desesperado; quando perto, finja estar longe; quando longe, finja estar próximo.
Adote caminhos diferentes e avalie seu inimigo sempre procure uma vitoria rápida sem se esgotar e ficarfraco, não deixe seu exercito por longo tempo em campo de batalha.
Tzu, 2004a, p. 41. Portanto, o comandante sábio faz o melhor para alimentar seus exércitos com os frutos do solo inimigo. Consumir uma media das provisões do inimigo equivale a vinte fardos dos nossos.
Nunca peça ajuda de ninguém faça você mesmo seu trabalho e use a visão do seu inimigo e tenha sempre uma reservapara não sofrer, seja um comandante sábio, temos que saber o maximo de material sem gastar o nosso cada território conquistado coloque sua bandeira julgue seu inimigo e ganhe dele sem combates, planeje ataque, derrote e destrua seus obstáculos, e mantenha sua fronteira intacta.
Temos que saber desviar do inimigo e sermos ágil e ter habilidade, é preciso saber tomar decisões e administraros soldados e não confundirlos, prevemos a vitoria mas não a forçamos, somos vulneráveis então defenda-se e saiba dar o passo certo.
Faça combinações e use no momento preciso, ataque se inimigo onde ele esteja despreparado.
Tzu, 2004a, p. 57. Assim, a habilidade de cansar quem esteja bem descansado, deixar faminto alguém que tenha muitas provisões, mover alguém que estejaposicionado depende de avançar por lugares tais que o inimigo tenha de se precipitar para se defender.
Temos que ser rápidos e saber onde atacar e sempre vencer, e sempre que puder deixe seu inimigo perdido, desorientado, devemos saber quando ele esta fingindo ser derrotado e não devemos deixar saída pra ele, sempre esteja preparado para ele e derrote-o com cuidado, olhe como ele esta agindo e só...
tracking img