A arte da guerra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2837 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO PLANALTO CATARINENSE -
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FELIPE LÁZARO DE OLIVEIRA

A ARTE DA GUERRA

LAGES,NOVEMBRO 2012
FELIPE LÁZARO DE OLIVEIRA

A ARTE DA GUERRA

Trabalho apresentado ao
Professor Gilberto de Sá da
Disciplina de Metodologia
Científica do 2º Semestre do
Curso de Sistemas de Informação
DaUniversidade do Planalto
Catarinense.

LAGES,2012

SUMÁRIO

1.INTRODUÇÃO.....................................................................................................1

1.1 Desenvolvimento.............................................................................................1
1.2Conclusão........................................................................................................5
1.3 Referencias Bibliográficas...............................................................................5

1.INTRODUÇÃO
A Arte da Guerra (chinês: 孫子兵法; pinyin: sūn zĭ bīng fǎ literalmente "Estratégia Militar de Sun Tzu"), é um tratado militar escrito durante o século IV a.C. peloestrategista conhecido como Sun Tzu. O tratado é composto por treze capítulos, onde em cada capítulo é abordado um aspecto da estratégia de guerra, de modo a compor um panorama de todos os eventos e estratégias que devem ser abordados em um combate racional. Acredita-se que o livro tenha sido usado por diversos estrategistas militares através da história como Gengis Khan, Napoleão, Zhuge Liang, Cao Cao,Takeda Shingen, Vo Nguyen Giap e Mao Tse Tung.


1.1Desenvolvimento
Sun Tsu um filosofo que se tornou general  mostra neste livro que dominar “ A Arte da Guerra” é fundamental  para o Estado, conhece-la bem é questão de vida ou morte e que a diferença entre segurança  e ruína jamais deve ser ignorada
Estado não sobrevive  sem ter como pedra angular  “ A Arte da Guerra” queem poucas palavras significa conhecer a si mesmo conhecer o seu inimigo ter os seu comandados sob disciplina total e saber todas as informações tática necessárias para vencer a batalha, e as peças importantes neste tramite são os espiões, pois ele revelaram as posições tanto dos inimigos quanto dos seus próprios comandados se estão em posição de disciplina total.
Sun Tsu teve ilustres seguidoresque utilizaram-se de seus ensinamentos, e enquanto o seguiam a risca foram amplamente bem sucedidos, como exemplo temos o /maior e melhor General da Segunda Guerra  Erwim Rommel General Alemão do III Reich da visão de infantaria montada,  que seguia a risca os ensinamentos de Sun Tsu na guerra no deserto(Afrika Korps)  ele foi vitorioso mesmo com desvantagem numérica de homens e de material bélicoa Wehmacht foi conhecida como o relâmpago alemão não foi a toa, com preceitos do tipo mobilidade, usar todos os recursos toda a força e sem reservas, usar o inimigo como força escrava, humilhar o inimigo antes mesmo do derramamento de sangue, mas não só os alemães utilizaram as técnicas de Sun Tsu os russos também as utilizaram muito e para finalizar podemos citar Napoleão Bonaparte que enquantoseguiu os preceitos de Sun Tsu dominou quase toda a Europa e como os Nazista quando os ignorou começou a sua derrocada e o mais engraçado é que tanto Adolf Hitler quanto Napoleão Bonaparte cometeram o mesmo erro, invadir a Russia em pleno inverno com suas forças exaustas, o que será que Sun Tsu Faria certamente mudaria o rumo da historia. É fantástico que os ensinamentos de um gerenal que viveu aséculos atras até hoje ecoem como verdades absolutas na “Arte da Guerra”.
Não resta duvida de que a “Arte da Guerra” não só garante a soberania nacional ou do estado como pode ser aplicada em varias áreas da nossa vida. 

A “Arte da guerra é regida por 5 princípios 

?    A lei moral que significa  Submissão cega incondicional ou seja total.
?    A Terra  que significa Perigo, Segurança,...
tracking img