A arte como afirmação da vida

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1234 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A ARTE COMO AFIRMAÇÃO DA VIDA
*Gerly Anne Damasceno Furtado


No momento da criação do universo, deu-se, aos seres do planeta terra, elementos que lhes proporcionassem suas condições de existência. Assim, foi dado a uma parte dos animais, como forma de sobrevivência, garras e chifres. À outra parte, entretanto, deu-se algo não físico, mas que lhe garantiu a mais bem estruturadasobrevivência: o intelecto. De acordo com Nietzsche (2008) p. 27:

“Como um meio para a conservação do indivíduo, o intelecto desenrola suas principais forças na dissimulação; pois esta constitui o meio pelo qual os indivíduos mais fracos, menos vigorosos, conservam-se, como aqueles aos quais é denegado empreender uma luta pela existência com chifres e presas afiadas.(...)”

Em meio à tamanha diferenciação entre os seres da terra, algo em comum foi dado a todos os animais, objetivando-se a preservação da espécie: os instintos. Houve, entretanto, por parte dos homens, um certo abandono de seus instintos, uma vez que era possuidor do intelecto e com ele poderia usar de toda a sua dissimulação e astúcia para, de forma meio que injusta, criar estratégias que lhesproporcionasse vitória implacável sobre os outros animais.
Foi então que, orgulhando-se de seu poder, o intelecto aperfeiçoou de forma gloriosa seu típico disfarce, chegando a enganar a si mesmo. E é assim que nos encontramos hoje, enganados. Acreditamos que somos os seres mais importantes do universo, diferenciamo-nos de todos os outros por sermos capazes de raciocinar. Entretanto, se nossaraça fosse extinta, nada mudaria, pois o universo continuaria a existir. De nada, então, valeria termos o magnífico intelecto. Foi por chegar a esta infeliz conclusão que o intelecto preferiu manter-se “enganado” e continuar se afirmando como superior frente aos outros seres do nosso planeta. Com todo o seu disfarce e dissimulação, mergulhou em um mundo de extraordinárias aparências.
Vivenciamos umaera científico-tecnológica, acredita-se que a ciência é sempre exata e detentora da verdade universal, alcançada através do intelecto humano. O homem busca, a qualquer custo, caminhos que o levem a tal verdade, sem, porém, dar-se conta que jamais a encontrará.
Esta busca a qual o homem se dedica é um tanto sem sentindo, uma vez que o mesmo só conseguirá observar os fenômenos da vida sob o olharhumano, estando, dessa forma, completamente equivocado ao deixar-se esquecer que qualquer outro ser no universo é, para ele mesmo, o mais importante, o centro deste mundo. Segundo Nietzsche (2008), p. 26: “(...) se pudéssemos pôr-nos de acordo com o mosquito, aprenderíamos então que ele também flutua pelo ar com esse pathos e sente em si o centro esvoaçante deste mundo.”
Não há dúvidas de queprecisamos dos conhecimentos advindos da ciência, acompanhados da desconstrução sobre o juízo que se faz dela, sobretudo da ideia de que ela nos levará sempre a caminhos verdadeiros, enquanto a arte nos levará apenas a caminhos ilusórios, lhe cabendo assim, menor confiabilidade. Para a ciência, interessa o estudo do intelecto, com todos os conhecimentos que advenham dele. Cabe à arte cuidar da“parte ignorada” pela ciência, mas não menos importante: os instintos fundamentais do homem.
Nietzsche considera o conhecimento como algo inventado, estando em um nível diferente dos instintos humanos. Desta forma, acredita que os instintos são mais fundamentais do que o conhecimento, sendo através da arte a melhor forma de se ter maior contato com nossos instintos.
O homem que consegue ir além doque lhe é dito ou ensinado se dá conta do quanto precisa da arte. Este é levado a crer que à medida que deixa fluir a sua criatividade, consegue aproximar-se das coisas mesmas, ou seja, do seio da existência humana, pois é através da arte que descobrimos estradas que não se explicam através dos conhecimentos, apenas se sente e se vivencia.
Ao descobrirmos que a vida é um grande conjunto de...
tracking img