A apropriação da língua espanhola por parte dos índios do peru durante a época colonial: contexto e processo de aquisição da linguagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1195 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Projeto de Pesquisa:

A apropriação da língua espanhola por parte dos índios do Peru durante a época colonial: contexto e processo de aquisição da linguagem

A chegada dos espanhóis na América retrata o encontro de duas culturas muito distintas: a do europeu “civilizado” e a do índio “selvagem”. Dentre diversos aspectos marcantes desse encontro, o pressente trabalho pretende destacar umdeles: a apropriação da língua espanhola pelos índios do Peru a partir do século XVI. A relevância desse estudo se justifica não apenas pelo escasso material acerca do assunto, como também pela necessidade de um novo olhar sobre tal período histórico e suas relações. Durante muito tempo negligenciou-se a participação indígena no processo de colonização, preferindo destacar o poder e a vitória dosconquistadores e a conseqüente decadência da cultura indígena. A escolha do país é justificada pela quantidade de material, cuja maior parte não foi objeto de pesquisa da lingüística.
No que diz respeito aos estudos historiográficos, autores como Nathan Wachtel, John Monteiro, Serge Gruzinski vêm fazendo um trabalho focado nas atitudes de resistência e adaptação por parte dos índios. A questão dalinguagem é colocada por eles como um desses aspectos. O domínio da língua dos estrangeiros é um fator muito significativo, pois serviu de ferramentas para o índio intervir no próprio processo de ocupação do território. O aparato estatal europeu que estava por trás da chegada ao novo mundo baseava-se na formalização de tratados escritos: a existência de algo estava condicionada a sua referênciadocumentada. O aprendizado da escrita por parte dos índios fez com que estes também se manifestassem diante dos acontecimentos. Existem inúmeros relatos feitos por indígenas que versam sobre os mais variados assuntos: cartas ao rei espanhol, reivindicação de terras, acontecimentos cotidianos, história de suas origens, denúncias sobre maus tratos, entre outras. Estudos históricos têm dado conta doconteúdo e significado dessas manifestações; no entanto, trabalhos da área de lingüísticas são ainda raros. Por essa razão, esse projeto de pesquisa tem como tema investigar de que forma os índios da América hispânica se apropriaram da língua espanhola durante o período de colonização. E, por objetivo, o projeto tem o de identificar o processo de aprendizagem da língua espanhola escrita por parte dosíndios, considerando a ausência de grafia na cultura indígena. Para tanto, serão utilizados como fontes primárias textos extraídos da obra “Testimonios, Cartas y Manifestos Indígenas (Desde la conquista hasta comienzos del siglo XX)”, de Martin Lienhardt.
Sabe-se que a cultura indígena é exclusivamente oral e os rituais marcados pelo canto, dança e transmissão verbal de conhecimento. Investigar osaspectos lingüísticos desse processo singular é pertinente. A linguagem de um povo é também reflexo da sua visão de mundo; ou seja, a aquisição de uma outra língua e de uma outra forma de manifestação representa uma mudança grande na própria forma de ser e de ver o mundo: trata-se da fixação do pensamento e de outros recursos identificação cultural. Para a abordagem dessa questão é imprescindívelabordar o contexto desse aprendizado.
Essa proposta de pesquisa está baseada nos princípios da teoria da sociolingüística. Segundo Alkmim (2003, p. 21): “A história da humanidade é a história dos seres organizados em sociedades e detentores de um sistema de comunicação (...). A relação entre linguagem e sociedade não é posta em dúvida (...)”. Desde o início do século XX que se fala emAntropologia Lingüística e se considera linguagem, cultura e sociedade inseparáveis. Nesse sentido, o desenvolvimento dessa teoria passou por de estudiosos de diversas áreas de atuação e, portanto, contribui para o estudo aqui proposto (já que, como já foi mencionado, pode contribuir com outras áreas que não a lingüística). Para complementar a proposta de análise do contexto do aprendizado, podemos...
tracking img