A aguia ea galinha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2054 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS



RESUMO DO LIVRO A ÁGUIA E A GALINHA










POSSE-GO
2012
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS










RESUMO DO LIVRO A ÁGUIA E A GALINHA

Trabalho Apresentado à Disciplina Produção de Texto Técnico Científico do Curso Licenciatura em Letras, da Universidade Estadual de Goiás, Unidade Universitáriade Posse como requisito parcial para aprovação nesta disciplina.







POSSE-GO
2012
No livro a águia e a galinha, de Leonardo Boff, publicado em 2004, o autor faz uma metáfora da condição humana de uma forma contagiante e ampla em sua totalidade; encontra-se a exposição do autor sobre o ser humano e toda sua essência. É abordado que em todo ser humano a águia e a galinha convivemdentro de si, basta libertar a águia, romper os limites e voar para além dos projetos de um sonho.
Já no primeiro capitulo o autor nos surpreende ao contar sobre a influência de James Aggrey para a libertação de Gana, país da África Ocidental. Naquela época Gana era colônia de Portugal e por causa de seus muitos ouros mudaram o seu nome para Costa do Ouro, porém ali começou a ter muitasnegociações fraudulentas que logo chamou a atenção dos ingleses. A Inglaterra se passando por quem ia ajudar com as negociações errôneas acabou por invadir e apoderar da colônia tornando-a sua e roubando-lhes a liberdade.
Aggrey lutava pela liberdade de seu país através da consciência de seu povo, pois os ingleses faziam-lhes acreditar que eram inferiores ao resto do mundo, que se não fossepor eles jamais seriam civilizados, que sua cor e crenças estavam erradas e que eram uma vergonha. Pregavam isso nas escolas, igrejas e todos os demais eventos do governo. Foram tantas as críticas, que passaram a acreditar que eram realmente uma vergonha para o mundo e que toda a sua historia e crenças eram falsas, mentirosas.
As palavras tem um estranho poder quando ditas, então James,através de palavras, pregava pela dignidade e a libertação da consciência do seu povo, dizendo para confiarem neles mesmo, que em algum lugar do mundo alguém veria o sofrimento deles e lhes ajudariam. James Aggrey morreu sem ver a liberdade de seu povo, mas deixou plantando em muitas mentes e corações seus ideais de liberdade e expressão.
Kwame N’Krumah seguiu o caminho trilhado por Aggrey, emesmo após a morte deste, continuou lutando pela causa de seu povo; conseguiu fazer um partido político a favor do povo e sete anos depois conquistaram finalmente a merecida independência. Costa do Ouro foi o primeiro país africano a conquistar sua independência e voltou ao seu antigo nome: Gana.
O titulo do livro é tirado de uma história contada por James Aggrey em uma reunião de liderançaspopulares. Nessa reunião era discutido sobre a libertação do domínio inglês, onde alguns a queriam através de revoltas armadas, outros pela influência política e alguns já tinham se sucumbido ao poder das palavras inglesas. Então vendo que algumas pessoas de grande influência apoiavam os ingleses, resolveu fazer uma intervenção, pediu a palavra e contou uma história, onde um camponês saindo parapegar uma ave para criar foi até uma floresta próxima, pegou um filhote de águia e colocou-o no galinheiro para viver junto com suas galinhas. Ainda que a águia fosse uma ave superior às galinhas, ela comia milho e vivia como as galinhas. Tempos depois o dono da ave recebeu um naturalista em sua casa. Ao andar pelo seu quintal e vendo a águia no meio da galinha disse ao dono que ela era uma águiae não uma galinha, o camponês respondeu que era realmente uma águia, mas tinha sido criada como galinha, então tinha deixado de ser águia. O visitante discordava dizendo que ela sempre seria uma águia, pois tinha um coração de águia e tinha nascido para as alturas e que um dia ela faria isso novamente; dessa vez quem discordou foi o camponês.
Resolveram então tirar prova da situação, o...
tracking img