Willams

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (354 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE METROPOLITANA
FMGR

CURSO: DIREITO

DISCIPLINA: HISTÓRIA E ANTROPOLOGIA DO DIERITO

PROFESSOR: EDUARDO CRUCHO
ALUNO: WILLAMS DE ALMEIDA PEREIRA
TURMA: 1BNForam necessários, mas de dois século de escavações para começar a ser descoberto á maioria das maravilhas do Egito antigo,onde nos proporciona a conhecer um pouco dos seuscostumes e como eles Vivian e suas técnicas desenvolvidas para suprir os seus anseios e vontade e a cada descoberta nós deparávamos com maravilhas inexplicável da engenhariacivil,arquitetura,engenharia naval , inexplicável como naquela época conseguiram construir tanta obra de arte e sem nenhum instrumento mas preciso para realizar com tamanha perfeição suas obras.
Por exemplo, o barco do faraókhufu quando encontraram o seu barco em perfeita preservação,pois o faraó acreditava que após a morte a sua alma iria se unir ao deus sol e navegaria sobre os céus, por isso que ele deveria serenterrado com seu corpo,e ele ó enterrou ao lado sul da pirâmide e coberto com blocos de calcário pesando de dezessete á vinte tonelada e também lá estava o seu corpo com sua fortuna em tesouro.
OOBLISK inacabado,era inacabado pois havia uma fissura em sua estrutura, era algo que não podia haver pois ele funcionava como um para raio espiritual, se houvesse seria como uma falha na comunicação como deus sol, e eles utilizavam o calor e o frio para ajudar á sua retirada, pois arrocha aquecida se enfraquece e sua extração torna-se mas facil.
A tumba dos trabalhadores das pirâmides,as pirâmidesficam localizadas em e diferente do que pensávamos já na época existia uma hierarquia social onde havia benefícios para os operários numa sociedade caracterizadas por operáriosrepresentantes dos sindicatos,chefes e executivo ou seja as pirâmides não foram construídas por escravos.
O tesouro de Tutankhamun’s,no vale do rei as margens oeste do rio Nilo lá esta á tumba de do...
tracking img