Visita tecnica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1764 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO
Nome do local da visita: Eternal
Data da visita: 13/04/2012
A empresa eternal foi fundada em 1970, com o motivo de consolidar o mercado naval e industrial no Amazonas. Sua atividade de destaque é o rerefino do óleo, que consiste na preparação do óleo para ser reciclado, sendo considerada a primeira empresa do estado a trabalhar com este tipo de processo.
Atualmente além deser uma importante empresa e referência no polo industrial de Manaus oferece diversas funções ambientais, destinando corretamente resíduos sólidos, líquidos, industriais e efluentes.

2. DESCRIÇÃO DO LOCAL DE VISITA
A Eternal localiza-se no pólo industrial de Manaus, no bairro Mauazinho. Sua extensão aproxima-se de 73 668,05m² de área contendo na mesma cerca de 30 mil metros quadrados de áreaverde preservada. A empresa possui no total 120 funcionários empregados diretamente, e 400 indiretamente. Sua estrutura física comporta: portaria com balança e módulo digital para pesagem, administração, refeitório, galpão com oficina, unidade de armazenamento temporário de resíduos sólidos, tancagens especificas para resíduos oleosos, laboratório de análises físico-químicas, incinerador comlavador de gases, separador de água e óleo, complexo para tratamento de águas residuais e reatores de aditivação.

3. DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NO LOCAL

A primeira etapa visitada foi a do processo de rerrefino de óleo. É necessário que esse processo seja de baixo custo, flexível para se adaptar às variações de características das cargas e não causar nenhum tipo de problemaambiental, pelo contrário, deve contribuir para a prevenção e controle da poluição causada pelo lançamento de óleo em águas fluviais.
Os óleos utilizados na Eternal são aqueles lubrificantes líquidos que foram usados em algum processo, como automotivos, motores e máquinas, e que se oxidaram, alteraram-se e passaram a conter substâncias estranhas originárias do próprio óleo ou provenientes decontaminações. Tais óleos são recolhidos na cidade de Manaus, interior do Amazonas, e em alguns estados do norte do país.
Após ser descarregado numa caixa de contenção, o óleo usado passa por um peneiramento e por uma filtração para a retenção de partículas grosseiras. A desidratação é iniciada com um pré-aquecimento do óleo até 80ºC antes de ser enviado aos desidratadores. Numa operação em batelada, o óleoé desidratado a 180ºC em desidratadores com trocador externo em circulação forçada. A água e os solventes evaporados são condensados e separados em um separador de fases. Os solventes são aproveitados como combustível para os fornos e a água é enviada para tratamento (ETE).
O óleo destilado é bombeado para outro forno, onde é aquecido a uma temperatura de 380ºC, e enviado para os evaporadores depelícula. Nesta etapa, é separada a fração asfáltica do óleo sob alto vácuo (1 mBAR). A fração asfáltica é composta pela maior parte degradada do óleo lubrificante usado. Na sua composição encontramos principalmente polímeros, metais, resinas, aditivos e compostos de carbono. Esta fração é empregada na fabricação de mantas e produtos asfálticos em geral, como por exemplo, a produção decimento-cola.
Após essa preparação inicial do óleo, ele é enviado para os reatores de aditivaçao, onde é adicionada argila descorante (absorvente natural). A mistura óleo/argila é aquecida para promover a absorção de compostos indesejáveis. Adiciona-se também a cal para corrigir a acidez do óleo. O óleo ainda passa por filtros de malha mais fina para acabar com as partículas restantes. No final, é obtidoo óleo básico mineral rerrefinado com as mesmas características inicias de óleo básico virgem.
Ao fim destas etapas, o óleo é armazenado em tanques. Para atender às especificações de viscosidade, cor, ponto de fluidez, entre outros. E cada lote é analisado e corrigido pelo laboratório, tornando-se assim um óleo tão bom ou melhor que o óleo que o originou.
 A segunda etapa da visita foi...
tracking img