Virus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1977 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AO sistema endcrino constitudo por um grupo de rgos (algumas vezes referidos como glndulas de secreo interna) cuja funo principal produzir e secretar hormnios diretamente no interior da corrente sangnea. Os hormnios atuam como mensageiros para coordenar atividades de vrias partes do corpo. .
Glandulas
Os tecidos epiteliais de secreo ou epitlios formam as glandulas
As glndulas so clulascuja atividade a produo e secreo de substncias. H glndulas formadas por apenas uma clula, as glndulas unicelulares, e outras formadas por vrias clulas, as glndulas pluricelulares.
Toda a glndula envolvida por uma cpsula conjuntiva, da qual podem partir septos que dividem o rgo em subunidades maiores ou menores.

Hormnios

Os hormnios so substncias liberadas na corrente sangnea por uma glndulaou rgo e que afetam a atividade de clulas de um outro local. Em sua maioria, os hormnios so protenas compostas de cadeias de aminocidos de comprimento varivel. Outros so esterides, substncias gordurosas derivadas do colesterol. Os hormnios, quando liberados no sangue, agem apenas em um determinado tipo de clula, e por esse motivo elas so chamadas de clulas alvo. As clulas alvo possuem protenaschamadas de receptores hormonais, que podem estar nas membranas ou no interior das clulas. Esses receptores hormonais combinam-se a um tipo especfico de hormnio, ou seja, cada tipo de hormnio se une apenas a clulas que tenham receptores complementares aos seus, sendo que a estimulao hormonal ocorre somente se houver essa combinao correta.

Ao se encaixarem, os receptores presentes nas clulas soativados, e essa ativao provoca inmeras reaes qumicas. Uma dessas reaes a produo de monofosfato de adenosina cclico (AMP cclico), que estimula a sntese de protenas, ativa algumas enzimas, aumenta a permeabilidade da membrana plasmtica, dentre outras reaes.

Podemos ver o resultado de uma dessas reaes no crescimento do corpo, pois, com o aumento na velocidade da diviso celular e da sntese deprotenas, h o crescimento do organismo, como no efeito do hormnio do crescimento sintetizado pela hipfise. Outros hormnios podem causar outros efeitos, como facilitar a entrada de glicose na clula, estimular a oxidao do alimento, aumentar o desejo sexual, etc.
Eles influenciam a maneira como o organismo utiliza e armazena a energia. Alm disso, os hormnios controlam o volume de lquido e asconcentraes de sal e de acar no sangue. Alguns hormnios afetam somente um ou dois rgos, enquanto outros afetam todo o organismo.

GLANDULAS NDCRINAS

No corpo humano existem vrias glndulas endcrinas, mas as principais so a hipfise, a tireoide, as paratireoides, suprarrenais ou adrenais, o pncreas e as gnadas (testculos e ovrio). . H uma regio no encfalo, denominada hipotlamo, que produz hormnios quecontrolam a hipfise. O tecido adiposo tambm atua como glndula endcrina, pois, ao acumular uma quantidade de gordura, ele comea a produzir a lipsina, um hormnio que atua no hipotlamo e que provoca a diminuio do apetite.

HIPFISE

um pequeno rgo, pesando cerca de 0,5 g, que se localiza na sela trcica do osso
esfenide. Ela liga-se por um pednculo ao hipotlamo na base do crebro, com o qual guardaimportantes relaes anatmicas e funcionais. A hipfise pode ser dividida em adeno-hipfise e neuro-hipfise.
A adeno-hipfise produz e libera hormnios chamados de hormnios trficos, ou seja, hormnios que controlam outras glndulas endcrinas. Os principais hormnios produzidos pela adeno-hipfise so

Hormnio tireotrfico (TSH:Age na tireoide .Estimula a glndula tireide regulando o crescimento o seumetabolismo e a secreo de seus hormnios Tiroxina(T4) e Tridotironina(T3),AAAAAAAAAA(imaAA

Hormniois Adrenocorticotrfico(ACTH) Age sobre o crtex das glndulas Supra-renais. Ele estimulr a secreo de hormnios da crtex supra-renal, principalmente glicocorticoides e manter a integridade da mesma.o hormnio mais importante da sua clula-alvo o cortisol que ldiretamente envolvido na resposta ao...
tracking img