Violencia urbana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2102 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
VIOLÊNCIA URBANA

Mª Sílvia dos Santos¹







RESUMO: A violência urbana tem se tornado palco das grandes cidades, onde as populações estão temerosas em suas casas, nas ruas e ficam sempre numa postura de defensiva, a qualquer sinal de perigo. Nos centros das cidades mais desenvolvidos no qual temos um sistemacapitalista saturado, onde o fator principal contribuinte para o aumento da violência é a concorrência. A violência urbana é determinada por diversos fatores, entre eles o que ocasiona a rivalidade entre a sociedade é o elemento precípuo econômico. O temor vivido pela população esta tomando proporções que está atingindo a estrutura orgânica e psíquica. Logo, o medo e o crime estão circundadoscomo um todo a sociedade, de forma a demonstrar que a violência tem sua fonte no seio familiar, se expandindo na sociedade, com as drogas, seriais, psicopatas, e consequentemente o crime, são os contribuintes para a propagação da violência urbana.

PALAVRAS CHAVE: Violência Urbana. Medo. Dogras. Crime. Segurança Pública.

ABSTRAT: Urban violence has become the scene of large cities, wherepeople are fearful in their homes, on the streets and remain in a defensive posture at any sign of danger. In most developed city centers in which we have a saturated capitalist system, where the main factor contributing to the increase in violence is competition. Urban violence is determined by several factors, including what causes rivalry between the society is the economic element preciput. Thefear experienced by this population proportions taking that reaching the organic and psychic structure. Soon, fear and crime are surrounded society as a whole, in order to demonstrate that violence has its source in the family, expanding society with drugs, serial, psychopathic, etc.., are contributing to the spread urban violence.

INTRODUÇAO

Procura-se neste trabalho descrever aviolência urbana nas cidades, o medo

_____________________________

¹Aluna 10º semestre Curso de Direito da Turma 2012.2 Faculdade de Artes, Ciências e Tecnologia.

constante da população em relação ao convívio social, que acaba provocando danos ao homem, a competitividade para obter seu objetivo e a segurança publica. Trazer o ponto de vista de como o homem reage diante de umasociedade no qual a violência, drogas, medos, impulsiona-o para a criminalidade. O fato de querer aproximar o homem ao outro para representar o respeito às ordens impostas sejam as formas de política e ideias, a conservação e poder, como finalidade para crime político ou crime comum será a mesma. Embora, os crimes sejam distintos, mas, com essa manutenção social até os homens da lei serão violentos.Este é o reflexo a quem mora em grandes centros é comparado ao jogo, porque tem a má sorte de conviver com a dramática violência diária da população metropolitana. E quando a sensação de ameaça surgir estará pronta para defesa, mesmo que seja usado o método da violência.

1. CONVIVENDO COM O MEDO COTIDIANO

A população convive com o medo da violência urbana cotidianamente, de forma anão acreditar nas pessoas nas ruas, trabalho, escolas, etc., pois a questão da disputa por espaço na sociedade provoca pânico, uma vez que, as pessoas estão dispostas a qualquer custo obter resultado para aquilo que deseja e, a aparência das pessoas denota expressões que realmente não sabemos o que pretendem fazer.

Então, o fator medo, temor traz um resultado negativo na vida do serhumano, como desestimulo a vida, diminuição da capacidade psíquica, crises, falta de credibilidade na segurança pública e na política devido aos índices de insatisfação de sua atuação pela população no que diz respeito ao abuso de poder, gerando também o pânico.

O medo tem um forte poder de efeito no cérebro, inibição cortical, representa as crises aguda onde o individuo medroso...
tracking img