Violencia domestica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 35 (8687 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Violência doméstica – Day et alii

Relatórios

Violência doméstica e suas diferentes manifestações

Vivian Peres Day* Lisieux Elaine de Borba Telles* Pedro Henrique Zoratto* Maria Regina Fay de Azambuja** Denise Arlete Machado* Marisa Braz Silveira*** Moema Debiaggi**** Maria da Graça Reis***** Rogério Göettert Cardoso* Paulo Blank*

“A violência é, em primeiro lugar, os outros”. AlainTeyresite

INTRODUÇÃO “Existe um meio de libertar os homens da maldição da guerra?”, Einstein surpreende Freud na famosa troca de correspondência entre os dois gênios. A resposta é rápida: “em princípio, os conflitos de interesse entre os homens são solucionados mediante o uso da força”. Explica Freud que a evolução tecnológica e intelectual pode e, muitas vezes, está a serviço de estimular opoder pelas armas ou pelo conhecimento. O objetivo seguiria sendo o mesmo, aniquilar o outro. O respeito ao inimigo vem

* Psiquiatra, sócio efetivo da SPRS. ** Procuradora de Justiça do Ministério Público do Estado do RS, especialista em violência doméstica pela USP. *** Pediatra, especialista em violência doméstica pela USP. **** Arquiteta, docente da PUCRS. ***** Defensora Pública do Estado doRS.

da necessidade de utilizar a vítima para seus propósitos, bastando mantê-la subjugada e atemorizada. Essas são reflexões que seguem atuais, escritas sob a égide da Segunda Guerra Mundial. Partindo do “filicídio institucionalizado” representado pelos conflitos mundiais, conclui-se que as aflições dos grandes mestres sobre as tendências autodestrutivas da humanidade resistem, apesar dosreiterados esforços da sociedade em explicá-las e evitá-las. Partindo da experiência em estudar e acompanhar vítimas e perpetradores de violência, na experiência diária como psiquiatras forenses, membros do judiciário, médicos que atendem a realidade dos ambulatórios e dos centros de triagem, estudiosos de urbanismo e outros determinantes sociais, os autores agruparam suas experiências e conhecimentospara refletir e propor alternativas para lidar com um dos ângulos mais cruéis do crime, aquele que atinge os mais fracos por limitações físicas, emocionais ou sociais. Foi realizada pesquisa bibliográfica recente, ampla e atual, buscando contemplar os diferentes vértices do tema. O enfoque multidisciplinar é, já, uma das propostas. O problema da violência intrafamiliar e do-

Recebido em24/01/2003. Revisado em 25/01/2003. Aprovado em 18/03/2003.

9

R. Psiquiatr. RS, 25'(suplemento 1): 9-21, abril 2003

Violência doméstica – Day et alii

méstico é complexo e árido. A antiga idéia de que o delinqüente era um estranho que se esconderia numa rua escura vem mudando sua face, e à luz observa-se feições bastante conhecidas, familiares. Hoje, está mais claro que falamos de muitasguerras. Os homens participam dos conflitos das ruas, são vítimas mais freqüentes de homicídios, ocorridos entre desconhecidos, atingindo principalmente os jovens. Entre 20 e 29 anos, a proporção é de 15 vezes para um de óbitos por projétil de arma de fogo, de homens em relação às mulheres da mesma faixa etária2. No presente trabalho, abordar-se-á o tipo de violência que mais acomete mulheres, criançase adolescentes, além de idosos e deficientes físicos e mentais. Trata-se de atos violentos que acontecem dentro dos lares, onde a taxa de homicídios é menor, mas o prejuízo individual, familiar e social é catastrófico. Entende-se por violência intrafamiliar:

“toda ação ou omissão que prejudique o bem-estar, a integridade física, psicológica ou a liberdade e o direito ao pleno desenvolvimento deum membro da família. Pode ser cometida dentro e fora de casa, por qualquer integrante da família que esteja em relação de poder com a pessoa agredida. Inclui também as pessoas que estão exercendo a função de pai ou mãe , mesmo sem laços de sangue”.
O termo doméstico incluiria pessoas que convivem no ambiente familiar, como empregados, agregados e visitantes esporádicos. As estatísticas...
tracking img