Variação musical como princípio e forma

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1118 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS
ESCOLA DE MÚSICA E ARTES CÊNICAS
ANÁLISE MUSICAL II

VARIAÇÃO COMO PRINCÍPIO E COMO FORMA

GOIÂNIA
2010

SCHOENBERG:
Variação significa mudança: mas mudar cada elemento produz algo estranho, incoerente e ilógico, destruindo a forma básica do motivo.
Consequentemente, a variação exigirá a mudança de alguns fatores menos importantes e a conservação de outrosmais importantes. A preservação dos elementos rítmicos produz, efetivamente, coerência (ainda assim, a monotonia não pode ser evitada sem ligeiras mudanças). No mais, a determinação dos elementos mais importantes depende do objetivo composicional: através de mudanças substanciais é possível produzir uma variedade de formas-motivo adaptáveis a cada função formal.
A música homofônica poderia serdenominada de estilo da “variação progressiva”. Isso significa que na sucessão das formas-motivo, obtidas pela variação do motivo básico, há algo comparável ao desenvolvimento, ao crescimento de um organismo. As mudanças de caráter secundário, porém, que não possuem consequências especiais, tem apenas o efeito local de embelezamento: é preferível definir estas mudanças pelo nome de variantes.Internet:
Variação em música, é uma técnica formal em que o material é alterado durante várias repetições/reiterações com mudanças. As mudanças podem ser harmônicas, melódicas, contrapontísticas, rítmicas e de timbre ou orquestração. As seções de variação depende de um tipo de apresentação do material enquanto que as seções de desenvolvimento utilizam várias apresentações diferentes e combinaçõesdo material.
Uma variação, também pode ser qualquer modificação feita sobre um tema apresentado. Neste sentido é chamada de desenvolvimento musical. Desta forma, pode-se dizer que qualquer forma musical que não seja seccionada é baseada em variações de um ou mais temas. É a base para formas de composição musical como o ostinato, a forma-sonata, a fuga, a chacona, a passacaglia e tema comvariações.
Tema com variações é uma forma musical na qual a idéia musical fundamental ou tema, é repetida de forma alterada ou acompanhada de maneira diferente. Pode ser uma peça solo ou o movimento de uma peça maior. As passacaglias e as chaconnes são formas em que uma linha de baixo repetida, ou ostinato, é ouvida através de toda a peça. A variação fantasia é uma forma que se baseia na variação mas querepete e incorpora livremente material.
História das variações
Obras com tema e variações têm sido escritas por toda a história da música clássica. Uma forma favorita de variações na música renascentista eram as divisões, um tipo de variação no qual a batida rítmica é sucessivamente dividida em intervalos cada vez mais rápidos. O princípio básico de começar com variações simples e se mover emdireção a variações cada vez mais elaboradas esteve sempre presente na história da forma variação, uma vez que permite a definição de uma forma ao conjunto de variações, ao invés de deixá-lo seguir numa sequência arbitrária.
Dois famosos conjuntos do período barroco, ambos compostos para o cravo, são o O Ferreiro Harmonioso de Georg Friedrich Händel e as Variações Goldberg de Johann Sebastian Bachque junto com as últimas variações compostas por Beethoven representam o ponto mais alto a que chegou a forma.
No classicismo Wolfgang Amadeus Mozart escreveu um grande número de variações tais como o primeiro movimento de sua Sonata Para Piano em Lá Maior, K 331, ou o final de seu Quinteto Para Clarinete. Mozart adotou um padrão particular nas suas variações: a penúltima variação é em tempolento, frequentemente atuando como uma espécie de movimento lento extra numa obra com vários movimentos; e a última variação é rápida, num estilo de bravura. Joseph Haydn se especializou em conjuntos de variações duplas nas quais dois temas relacionados, um em tom maior e outro em tom menor são apresentados e variam alternadamente; um exemplo é o movimento lento da Sinfonia Nº103, O Rufar dos...
tracking img