Vaidade

Páginas: 16 (3934 palavras) Publicado: 11 de junho de 2015
Etimologicamente vaidade vem do latim vanitate que designa o que é vão, o que é fútil, o que é vazio.
A vaidade consiste em uma estima exagerada de si mesmo ou de suas posses, uma afirmação esnobe da própria identidade. É considerado um dos sete pecados capitais, sendo o mesmo pecado associado à orgulho excessivo e arrogância. A vaidade é mais utilizada hoje para estética, visual e aparência daprópria pessoa. A imagem de uma pessoa vaidosa estará geralmente em frente a um espelho, a exemplo de Narciso. ( Reikdal & Roberto, 2013)
A vaidade é uma espécie de concupiscência, que deve ser enfrentada não com as forças do corpo, mas com as do espírito. A vaidade é sem limites, durando mais do que nós mesmos, através dos túmulos aparatosos que mandamos fazer. Ela é a que mais se esconde, entretodas as paixões. Muitas vezes, oculta a si mesma, através de ações pias que nascem de uma vaidade mística ou satisfação de ver-se superior aos outros através das boas obras realizadas. A maior de todas as injúrias é o desprezo, porque atinge a própria vaidade. Até mesmo o desprezo pelas coisas vãs pode nascer do excesso de vaidade. Neste caso, tal excesso produz a aparência de uma virtude, que éa de não ser vaidoso. Embora cada ser humano conheça muito bem as vaidades alheias, desconhece as próprias. (Silva, 1993)
A vaidade se une a todas as paixões e muitas vezes constitui a origem principal das mesmas. Ela nasce com todas e é a última que se acaba. Até a humildade costuma nascer da vaidade, que exerce a sua influência mesmo onde parece não tê-la. E muitas das virtudes humanas surgem apartir da vaidade. Esta como que as inventou, pois, por exemplo, desprezamos a vida para ver reconhecido o nosso valor; deixamos de ser desleais para não termos de enfrentar o desprezo dos outros. A vaidade se parece muito com o amor próprio, confundindo-se talvez com ele. Se são paixões diversas, uma nasce da outra. Há vaidades universais, que compreendem toda a sociedade, e vaidadesparticulares, que são próprias a cada ser humano. As primeiras unem as pessoas e constituem a sociedade; as últimas separam e dividem as pessoas. A vaidade se encontra oculta no estado de inocência da infância, mas, com o tempo, vai crescendo e tomando conta de nossas vidas. A vaidade surge como contágio contraído a partir das relações e conversações dos homens. Nosso entendimento facilmente se infeccionacom as opiniões próprias e com as alheias, com as vaidades próprias e com as dos outros. (Silva, 1993)
Em contrapartida, é dos delírios produzidos pela vaidade que resulta e depende a sociedade. O desejo de adquirir fama infunde tal valor nos homens que os transforma em heróis, em cientistas, em pessoas benignas e virtuosas. Eis porque o homem sem vaidade sente um desprezo universal por tudo,começando por si mesmo. A reputação aparece-lhe como uma fantasia, o respeito, como uma dependência servil, a benignidade, como uma virtude mercenária, a lealdade, como uma submissão necessária e a fama, como um objeto vago, incerto, que vale menos do que custa para conseguir. (Silva,1993)
Na psicologia, a vaidade é definida como o traço de caráter que se resume à preocupação constante: “O que vãopensar de mim?” (Adler, 1961)
Psicologicamente, nas concepções de Adler,(1961) podemos entender que a vaidade é o traço de caráter de quem está “sempre a cogitar no que os outros pensam dele”. Em outras palavras, a vaidade leva os indivíduos a pensar constantemente em si, ou, quando não dê isso, na opinião dos outros a seu respeito”.
O indivíduo vaidoso, deste modo, encara a vida, a sua relação comtodos os fatos e com todas as pessoas pela seguinte perspectiva: “Que vantagem poderei tirar disto?” (Adler, 1961,).
A vaidade é um traço egoísta. O vaidoso preocupa-se tão somente com ele mesmo. Na maioria dos casos, a vaidade não vai impelir para uma elaboração que seja útil socialmente. Pelo contrário, vai acabar prejudicando os que estão ao redor. (Adler, 1961)
Netemeyer, Burton & Lichtenstein...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • vaidade
  • A Vaidade
  • Vaidade
  • Saúde ou vaidade ?
  • Vaidade e Consumo
  • O QUE REALMENTE VAIDADE
  • Vaidade Feminina
  •  VAIDADE OU ALIENAÇÃO?

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!