Uso do epi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3305 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
MANUAL DE USO CORRETO DE EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL
Introdução
O uso seguro de produtos fitossanitários exige o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI). As recomendações hoje existentes para o uso de EPI são bastante genéricas e padronizadas, não considerando variáveis importantes como o tipo de equipamento utilizado na operação, os níveis reais de exposição e, atémesmo, as características ambientais e da cultura onde o produto será aplicado. Estas variáveis acarretam muitas vezes gastos desnecessários, recomendações inadequadas e podem aumentar o risco do trabalhador, ao invés de diminuí-lo.
Este material foi desenvolvido com os seguintes objetivos:
• aprofundar a discussão sobre o uso adequado dos EPI;
• otimizar os investimentos emsegurança;
• aumentar o conforto do aplicador;
• combater o uso incorreto, que vai desde o não uso até o uso exagerado de EPI;
• melhorar a qualidade dos EPI no mercado;
• incentivar o uso da receita agronômica para recomendar de forma criteriosa os EPI necessários para cada aplicação;
• acabar com alguns mitos.
Ao final, esperamos ajudá-lo aidentificar e avaliar de forma mais criteriosa o risco, em função dos níveis de exposição ao produto fitossanitário e da operação a ser executada na lavoura, assim como a maneira pela qual você recomenda, adquire, usa (veste, tira, lava, guarda) e descarta os EPI.
Por que usar EPI?
EPI são ferramentas de trabalho que visam proteger a saúde do trabalhador rural, que utiliza os Produtos Fitossanitários,reduzindo os riscos de intoxicações decorrentes da exposição.
As vias de exposição são:
|[pic] | |
|[pic] | |

A função básica dos EPI éproteger o organismo do produto tóxico, minimizando o risco.
Intoxicação durante o manuseio ou a aplicação de produtos fitossanitários é considerado acidente de trabalho.
O uso de EPI é uma exigência da legislação trabalhista brasileira através de suas Normas Regulamentadoras*. O não cumprimento poderá acarretar em ações de responsabilidade cível e penal, além de multas aos infratores.
* Erevisão.
Risco
O risco de intoxicação é definido como a probabilidade estatística de uma substância química causar efeito tóxico. O Risco é uma função da toxicidade do produto e da exposição.
|Risco = f ( toxicidade; exposição) |

A toxicidade é a capacidade potencial de uma substância causar efeito adverso à saúde. Emtese, todas as substâncias são tóxicas, e a toxicidade depende basicamente da dose e da sensibilidade do organismo exposto. (Quanto mais tóxico um produto, menor é a dose necessária para causar efeitos adversos).
Sabendo-se que não é possível ao usuário alterar a toxicidade do produto, a única maneira concreta de reduzir o risco é através da diminuição da exposição. Para reduzir a exposição otrabalhador deve manusear os produtos com cuidado, usar equipamentos de aplicação bem calibrados e em bom estado de conservação, além de vestir os EPI adequados.
|RISCO |TOXICIDADE |EXPOSIÇÃO |
|ALTO |ALTA |ALTA |
|ALTO|BAIXA |ALTA |
|BAIXO |ALTA |BAIXA |
|BAIXO |BAIXA |BAIXA |

Responsabilidades
A legislação trabalhista prevê que:
|É...
tracking img