Urbu

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (339 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
  A simplicidade formal; rimas externas e internas; redondilha maior (gosto pelo popular) que dá uma ideia de simplicidade e espontaneidade
  Grande sensibilidade musical:
-   eufonia –harmonia de sons
-   aliterações, encavalgamentos, transportes, rimas, ritmo
-   verso geralmente curto (2 a 7 sílabas)
-   predomínio da quadra e da quintilha
  Adjectivação expressiva
 Economia de meios:
-   Linguagem sóbria e nobre – equilíbrio clássico
  Pontuação emotiva
  Uso frequente de frases nominais
  Associações inesperadas [por vezes desvios sintácticos – enálage(“Pobre velha música”)]
  Comparações, metáforas originais, oxímoros
  Uso de símbolos
  Reaproveitamento de símbolos tradicionais (água, rio, mar...)
 
- Coexistem 2 correntes:
- Tradicional:continuidade do lirismo português (saudosismo)
- lírica simples e tradicional – desencanto e melancolia
- Modernista: processo de ruptura - heterónimos
- Pessoa ortóniomo (simbolismo, paulismo,interseccionismo) 
Na poesia de Fernando Pessoa como ortónimo coexistem duas vertentes: a tradicional e a modernista.
Alguns dos seus poemas seguem na continuidade do lirismo português outrasiniciam o processo de ruptura, que se concretiza nos heterónimos ou nas experiências modernistas.
A poesia, a cujo conjunto Pessoa queria dar o título Cancioneiro, é marcada pelo conflito entre o pensar eo sentir, ou entre a ambição da felicidade pura e a frustração que a consciência de si implica (como por exemplo no poema Ela canta, pobre ceifeira nos versos “O que em mim sente ‘stápensando./Derrama no meu coração”).
Fernando Pessoa procura através da fragmentação do “eu” a totalidade que lhe permita conciliar o pensar e o sentir. A fragmentação está evidente por exemplo, em Meu coração é umpórtico partido, ou nos poemas interseccionistas Hora absurda , Chuva oblíqua e Não sei quantas almas tenho (verso “Continuamente me estranho”). O interseccionismo entre o material e o sonho, a...
tracking img