Uniao homoafetiva

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4836 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
As uniões homoafetivas no judiciário




Faculdade Damas da Instrução Cristã


Sumário

1. Introdução.......................................................................
2. Conceitos.........................................................................
3. Aspectos...........................................................................
4. O homossexualismo e odireito.......................................
5. Objetivo...........................................................................
6. Conclusão.........................................................................
























1. Introdução

Esse é com certeza um tema polêmico, mas esse trabalho é antes de tudo para esclarecer, no sentido dedesmistificar o que uma parcela significante da sociedade ainda desconhece e acaba por se equivocar em seus argumentos.

Além de conceituar, esse trabalho mostra como age e o que diz a Medicina, a Psiquiatria e a Psicologia; e é claro como se posiciona o Direito a respeito desse tema, como os doutrinadores se posicionam, além de julgados dos tribunais, dirimindo conflitos nesta área.A União entre pessoas do mesmo sexo tomou uma maior proporção a partir da ultima década, apesar de ser uma realidade muito antiga, que podemos perceber ao estudar em História a Grécia e Roma. Hoje, os homossexuais tem se organizado, promovendo marchas buscando a legalização da união homoafetiva e também reivindicando seus direitos.

Não podemos ignorar essarealidade, visto que já é uma verdade e eles também precisam de uma legislação que se adequem a eles, principalmente às suas relações.






























2. Conceitos:

Inicialmente vamos fazer uma conceituação a cerca da várias orientações sexuais existentes.

União homoafetiva: nada mais é do que a união de duas pessoas do mesmo sexo, que traz consigotodas as características de um relacionamento, ou seja, um convívio público e duradouro, conceito este que muito se assemelha com o da união estável, que é o desejo de muitos casais homoafetivos.

Homossexual: é relativo à afinidade e/ou comportamento sexual entre indivíduos do mesmo sexo.

Heterossexual: esse termo é usado para descrever relações íntimas e/ou sexuais entre indivíduos do sexomasculino e do sexo feminino.

Bissexual: consiste na pessoa que tem atração física, emocional por pessoas tanto do mesmo sexo como do sexo oposto.

Lésbica: é uma mulher homossexual. As lésbicas têm ou preferem ter romances e relações sexuais com outras mulheres.

Gay: é um termo de origem inglesa, utilizado normalmente para se designar o indivíduo homossexual.3. Aspectos:

A homossexualidade não é transtorno médico ou psiquiátrico. É, contudo, um aspecto da condição humana que tem profundos efeitos sobre a vida dos indivíduos, das comunidades e da sociedade como um todo. A escolha dos membros do próprio sexo para relações sexuais e parceria doméstica íntima é ocorrência relativamente comum no mundo e através dostempos, representando uma resposta a fatores biológicos, psicológicos e sociais inter-relacionados que dão origem à identidade pessoal e ao comportamento interpessoal.

O termo identidade sexual refere-se à sensação interna de um indivíduo sobre ser masculino ou feminino, menino ou menina, homem ou mulher. De acordo com a psicologia do ego, a identidade sexual se desenvolve cedona infância e normalmente se solidifica por volta dos 2,5 anos. A maioria dos homossexuais tem identidade sexual firmemente estabelecida e compatível com seu sexo anatômico. Por exemplo, um homem homossexual entende a si mesmo como homem, assim como o heterossexual. Quando a identidade sexual não fica firmemente estabelecida, um indivíduo pode apresentar sofrimento psicológico significativo, o...
tracking img