Um olhar antropológico sobre a questão da pobreza no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2649 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SERVIÇO SOCIAL
Nomes....

UM OLHAR ANTROPOLÓGICO SOBRE A QUESTÃO DA POBREZA NO BRASIL

VITÓRIA DA CONQUISTA
2010
Nomes...

UM OLHAR ANTROPOLÓGICO SOBRE A QUESTÃO DA POBREZA NO BRASIL

Trabalho acadêmico apresentado à disciplina Antropologia, do curso de Serviços Social, da Universidade Norte do Paraná – UNOPAR; como parte das exigências para obtenção de crédito na unidade

ProfªGiane Albiazzetti

VITÓRIA DA CONQUISTA

2010

1. INTRODUÇÃO

No decorrer deste trabalho, iremos abordar a questão da pobreza, em qualquer nação, aparece em diversos ângulos e todas opções não tem dado uma resposta condizente às causas da origem de tal fato. A pobreza é o maior mal (problema) que envolve um país e isto é decorrência direta da situação econômica vigente, ou acumulada aolongo da história de estagnação, de desemprego, de falta de investimentos na economia e, sobre tudo de descontrole das autoridades em fazer um país crescer de maneira harmoniosa e equilibrada.
Todavia, o Brasil é um país único no mundo por ser, ao mesmo tempo, uma grande economia industrializada, dotada de razoável capacitação técnica e ampla base competitiva, e uma das sociedades desiguais doplaneta, exibindo um numero anormalmente elevado de pobres e um grau de concentração de riquezas, provavelmente, o dobro da media mundial e bem superior ao de muitos outros países mais pobres.


2. DESENVOLVIMENTO

Em anos de expansão econômica, as medidas de desigualdade de renda e de pobreza no Brasil costumam se mantiver convergentes. Diante da crise internacional, desde outubro de2008 o país interrompe o curso de crescimento da produção tendo como conseqüência a diminuição do desemprego aberto. Um país tem pobreza quando existe escassez de recursos ou quando, apesar de haver um volume aceitável de riquezas, elas estão mal distribuídas. O Brasil não é um país pobre, e sim um país desigual.
A pobreza existe quando um segmento da população é incapaz de gerar renda suficientepara ter acesso sustentável aos recursos básicos que garantam a qualidade de vida digna. Estes recursos são: água, saúde, educação, alimentação, moradia, renda e cidadania. Dentre os países em desenvolvimento, o Brasil ocupa o 9º lugar em renda per capta. Mas cai para o 25º lugar quando se fala em proporção de pobres. Isso coloca o Brasil entre os países de alta renda e alta pobreza. Ao mesmotempo em que está entre os 10% mais ricos, integra a metade mais pobre dos países em desenvolvimento.
Nosso país é um dos primeiros do mundo em desigualdade social. Aqui 1% dos mais ricos se apropria do mesmo valor que os 50% mais pobres. A renda de uma pessoa rica é 25 e 30 vezes maior que a de uma pessoa pobre. Acabar com a pobreza em um país rico com grande proporção de pobres requer recursosfinanceiros irrisórios. Há no país 56,9 milhões de pessoas vivendo em extrema pobreza. Para se erradicar a extrema pobreza brasileira seria necessário não mais que 1 % da renda do país. Para se erradicar a pobreza seria preciso 5%.
A renda média brasileira é seis vezes maior que o valor definido como linha de indigência. Ou seja, se a renda brasileira fosse igualmente distribuída
Estaria garantindoa cada pessoa seis vezes aquilo de que precisa para se alimentar.
Além da distribuição de renda, outro fator de desigualdade é a educação. Uma pessoa com mais anos de estudo ganha cerca de 20 vezes o que ganha uma pessoa sem nenhuma educação.
As condições de pobreza e desigualdade social na América Latina fazem com que 44%de sua população viva em favelas ou subúrbios com estrutura precária econdições mínimas de sobrevivência. Os dados divulgados no início deste ano pela Comissão Econômica para América Latina e Caribe, identificam a maior parte das favelas nas cidades, onde vivem três de quatro latino-americanos.

As desigualdades sociais na América Latina são amplamente conhecidas. É consenso que os níveis de miséria e pobreza poderiam ser reduzidos substancialmente através de uma...
tracking img