Um lar dividido como o divórcio afeta os adolescentes

Páginas: 7 (1667 palavras) Publicado: 28 de outubro de 2011
Um lar dividido
como o divórcio afeta os adolescentes

CONSELHEIROS matrimoniais achavam que tinham razão quando diziam aos pais com problemas no casamento: ‘Vocês precisam se concentrar na sua felicidade’, acrescentando logo em seguida: ‘Não se preocupem com os filhos. Eles se recuperam facilmente. Para eles é mais fácil conviver com pais divorciados do que morar com pais que não se dão bem.’Mas alguns conselheiros que pregavam o divórcio mudaram o discurso. Agora eles dizem: ‘O divórcio é uma guerra. Nenhum dos pais sai ileso; nem os filhos.’
O mito do divórcio fácil

A seguinte história daria um seriado de TV de sucesso: um casal se divorcia. A mulher fica com a guarda dos filhos e se casa com um viúvo que também tem filhos. Semana após semana, a família incompatível enfrentauma série de problemas absurdos, que são resolvidos em apenas 30 minutos e com uma boa dose de humor inteligente.

Talvez essa situação pareça engraçada na TV. Mas, na vida real, o divórcio não é nada engraçado. Muito pelo contrário, é doloroso. M. Gary Neuman diz em seu livro Emotional Infidelity (Infidelidade Emocional): “O divórcio é uma ação judicial — uma pessoa processando outra pessoa.No momento que decide se divorciar, você abre mão do controle de coisas como filhos, dinheiro e talvez até moradia. Pode ser que vocês cheguem a um acordo, pode ser que não. Por fim, um estranho chamado juiz decidirá com que freqüência você verá seus filhos e com quanto do seu dinheiro você ficará. Infelizmente, a decisão desse estranho não é bem a que você gostaria.”

Em geral, o divórcio apenastroca uma série de problemas por outra. De fato, tudo, desde moradia até condição financeira, pode mudar — e, provavelmente, não para melhor. Isso sem mencionar o impacto sobre os filhos.
Uma noiva escolhendo um noivo
‘DESTA VEZ VAI DAR CERTO’

Pesquisas mostram que o segundo casamento tem mais probabilidade de fracassar do que o primeiro; e o terceiro, mais ainda. Em seu livro EmotionalInfidelity (Infidelidade Emocional), M. Gary Neuman indica um motivo disso: “Se você tem dificuldades no primeiro casamento, o motivo não é apenas a escolha errada do cônjuge. O motivo é você. Você se apaixonou por essa pessoa. Tudo de bom ou de ruim no seu casamento você construiu com ela.” Neuman conclui: “É melhor se livrar do problema e ficar com o cônjuge do que se livrar do cônjuge e ficar com oproblema.”
Efeito nos adolescentes

O efeito do divórcio nos filhos pode ser devastador, não importa a idade. Algumas pessoas dizem que os adolescentes se saem melhor do que as crianças. Por que motivos? Acham que eles são mais maduros e que em pouco tempo sairão de casa mesmo. Mas alguns pesquisadores descobriram que são exatamente esses os motivos de o divórcio afetar mais os adolescentes.*Analise o seguinte:

No processo para se tornarem adultos, os adolescentes são muito inseguros, talvez até mais do que quando eram crianças. Não se deixe enganar pela aparente independência deles — essa é a fase em que os jovens mais precisam da família.
Bem na fase em que os adolescentes estão aprendendo a fazer amizades mais maduras, o divórcio lhes ensina a duvidar de valores comoconfiança, lealdade e amor. Mais tarde, quando forem adultos, eles talvez evitem totalmente relacionamentos achegados.
É comum filhos de todas as idades externarem sua dor, mas os adolescentes são mais propensos a fazer isso por se envolverem em coisas perigosas, como delinqüência, alcoolismo e drogas.

Isso não quer dizer que adolescentes com pais divorciados nunca terão relacionamentosachegados nem um futuro feliz. Eles podem se sair bem, principalmente se não cortarem os laços com o pai e a mãe.# Mas é ingênuo pensar que o divórcio sempre será, como alguns dizem, ‘melhor para os filhos’ ou que acabará com toda a tensão entre marido e mulher. De fato, alguns descobrem que precisam lidar mais com o cônjuge “intolerável” depois do divórcio do que antes para tratar de assuntos mais...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ação de divorcio c/c pedido cautelar de afastamento do cônjuge do lar
  • O Pará Dividido
  • Um lar
  • Nosso lar
  • do lar
  • nosso lar
  • Coração dividido
  • Reino dividido

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!