Ufg

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3523 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de abril de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto

1. (Ufg 2013) Leia os poemas apresentados a seguir.

MALVA-MAÇÃ

A P...

De teus seios tão mimosos
Quem gozasse o talismã!
Quem ali deitasse a fronte
Cheia de amoroso afã!
E quem nele respirasse
A tua malva-maçã!

Dá-me essa folha cheirosa
Que treme no seio teu!
Dá-me a folha… hei de beijá-la
Sedenta no lábio meu!
Não vês que o calor do seio
Tua malva emurcheceu...

[...]

AZEVEDO, Álvaresde. Lira dos vinte anos. In: Obra completa. Organização de Alexei Bueno. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 2000. p. 269.

Há uma flor que está em redor de mim,
uma flor que nasce nos cabelos da aurora
e desce sobre as águas e os ombros
de todos nós. Não, não quero amar
senão a natureza quando ela se abre
como uma flor e suas corolas à madrugada;
eu não quero amar, senão a mulher
que está em redor demim, a mulher
que me acolhe com seus braços
e me oferece o que há de mais íntimo,
a sua pérola e sonho à madrugada.

GARCIA, José Godoy. Poesia. Brasília: Thesaurus, 1999. p. 153.

Nos poemas transcritos, a representação da figura feminina se assemelha por apresentar
a) a sensualidade da mulher metaforizada pelos elementos da natureza.
b) a idealização de uma mulher única enfatizada pelafidelidade do eu lírico.
c) o distanciamento da mulher exemplificado por sua indiferença aos apelos do eu lírico.
d) a simplicidade da mulher evidenciada por suas qualidades morais.
e) o exotismo da mulher emoldurado pela descrição de um cenário idílico.

TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 3 QUESTÕES:
PREFÁCIO

São os primeiros cantos de um pobre poeta. Desculpai-os. As primeiras vozes do sabiá não têma doçura dos seus cânticos de amor.
É uma lira, mas sem cordas; uma primavera, mas sem flores; uma coroa de folhas, mas sem viço.
Cantos espontâneos do coração, vibrações doridas da lira interna que agitava um sonho, notas que o vento levou, – como isso dou a lume essas harmonias.
São as páginas despedaçadas de um livro não lido...
E agora que despi a minha musa saudosa dos véus do mistério do meuamor e da minha solidão, agora que ela vai seminua e tímida por entre vós, derramar em vossas almas os últimos perfumes de seu coração, ó meus amigos, recebei-a no peito, e amai-a como o consolo que foi de uma alma esperançosa, que depunha fé na poesia e no amor – esses dois raios luminosos do coração de Deus.

AZEVEDO, Álvares de. Lira dos vinte anos. In: Obra completa. Organização de AlexeiBueno. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 2000. p. 120.


2. (Ufg 2013) Se ao invés de usar períodos compostos como em “É uma lira, mas sem cordas; uma primavera, mas sem flores; uma coroa de folhas, mas sem viço.”, o autor tivesse escolhido períodos simples: “É uma lira sem cordas. É uma primavera sem flores. É uma coroa de folhas sem viço.”, a imagem construída a respeito de sua obra não seria amesma, porque
a) o pressuposto produzido pelo uso do termo sem indica a impossibilidade de os poemas retratarem a completude das coisas do mundo.
b) a oposição entre os objetos naturais e os produzidos pelo homem autoriza a interpretação de que a natureza seja a musa inspiradora dos poemas.
c) o subentendido produzido pelo uso do mas leva o leitor ao entendimento de que a obra é comparada aproduções rudimentares.
d) a contradição marcada pelo uso do mas permite a compreensão de que a essência das coisas se mantém mesmo quando lhes falta o atributo principal.
e) a antítese instaurada na comparação entre realidade e ficção produz a ideia de que a poesia deva realçar a aparência das coisas.

3. (Ufg 2013) Os aspectos linguísticos e enunciativos do texto demonstram que se tratado gênero prefácio, pois o autor
a) apresenta sua visão de mundo, explorando o uso de metáforas como recurso persuasivo.
b) comenta a obra, apresentando justificativas e explicações sobre sua autoria.
c) narra uma história pessoal, explicitando os conflitos vividos por quem escreve poesia.
d) descreve sua infância, justificando o caráter ingênuo que marca a obra.
e) critica a falta...
tracking img