Tuberculose

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1032 palavras )
  • Download(s) : 1
  • Publicado : 6 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Mudanças no tratamento da tuberculose

A primeira mudança consiste na introdução do etambutol como quarto fármaco na fase intensiva de tratamento (dois primeiros meses) do esquema básico, e tem como justificativa a constatação do aumento da resistência primária à isoniazida e a resistência primária à isoniazida associada à rifampicina.

A segunda mudança consiste em introduzir aapresentação em comprimidos com dose fixa combinada dos 4 fármacos (4 em 1) para fase intensiva do tratamento. Os comprimidos são formulados com doses reduzidas de isoniazida e pirazinamida em relação às atualmente utilizadas no Brasil. Para crianças até 10 anos continuará sendo preconizado o tratamento atual.

A tuberculose é uma doença infecciosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis ou bacilo de kochem homenagem ao seu descobridor, o bacteriologista alemão Robert Koch, em 1882. Outras espécies de micobactérias, como as Mycobacterium bovis, M. africanum e M. microti também podem causar esta doença que afeta, principalmente, os pulmões. Rins, órgãos genitais, intestino delgado, ossos, etc., também podem ser comprometidos.

A transmissão é direta: ocorre de pessoa via gotículas de salivacontendo o agente infeccioso, sendo maior o risco de transmissão durante contatos prolongados em ambientes fechados e com pouca ventilação.

A resposta imunológica é capaz de impedir o desenvolvimento da doença e, por tal motivo, pessoas com sistema imune menos resistente ou comprometido estão mais propensos a adquirir esta doença, de evolução geralmente lenta.

Após a transmissão do bacilo,ocorrerá uma destas situações: o sistema imunológico do indivíduo pode eliminá-lo; a bactéria pode se desenvolver, mas sem causar a doença; a tuberculose se desenvolve (tuberculose primária) ou pode haver a ativação da doença vários anos depois (tuberculose pós-primária).

Alguns pacientes podem não apresentar os sintomas ou estes podem ser ignorados por serem parecidos com os de uma gripe. Tosseseca e contínua se apresentando posteriormente com secreção e com duração de mais de quatro semanas, sudorese noturna, cansaço excessivo, palidez, falta de apetite e rouquidão são os sintomas da doença. Dificuldade na respiração, eliminação de sangue e acúmulo de pus na pleura pulmonar são características em casos mais graves.

O diagnóstico é feito via análise dos sintomas e radiografia dotórax. Exames laboratoriais das secreções pulmonares e escarro do indivíduo são procedimentos confirmatórios.

O tratamento é feito à base de antibióticos, com duração de aproximadamente seis meses. É imprescindível que este não seja interrompido – fato que pode ocorrer, principalmente, devido aos efeitos colaterais, tais como enjôos, vômitos, indisposição e mal-estar geral. As medicações sãodistribuídas gratuitamente pelo sistema de saúde, através de seus postos municipais de atendimento.

A vacina BCG é utilizada na prevenção da tuberculose e deve ser administrada em todos os recém-nascidos. Melhoras nas condições de vida da população, além de tratamento e orientação aos enfermos são formas de evitar sua contaminação em maior escala.

TRABALHO

DE

ENFERMAGEM EM DOENÇASINFECTO-PARASITÁRIAS E CONTAGIOSAS

ALUNA:
ADRIANA GALDINO ORNELAS DA COSTA

Estratégia operacional
 Interrogar sobre a presença e duração da tosse a clientela dos serviços de saúde,
independentemente do motivo da procura.
 Orientar os SR identificados para a coleta do exame de escarro.
 Coletar duas amostras de escarro, uma no momento da identificação e a outra no dia seguinte (atenção naorientação ao paciente sobre como coletar o escarro e qual o local apropriado de coleta - área externa do serviço de saúde).
 Registrar as atividades nos instrumentos padronizados.
 Estabelecer fluxo para conduta nos casos positivos e negativos à baciloscopia.
 Avaliar rotineiramente a atividade da busca por meio dos indicadores sugeridos:
proporção de sintomáticos respiratórios...
tracking img