Tuberculose livreto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3704 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
18/7/2011

APRESENTAÇÃO
RECOMENDAÇÕES PARA O CONTROLE DA TUBERCULOSE

GUIA RÁPIDO PARA

O objetivo deste material é oferecer
ao profissional de saúde uma visão
geral sobre as recomendações atuais
para o controle da tuberculose.

PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DA TUBERCULOSE

O Programa Nacional de Controle
da Tuberculose espera que este guia
seja útil para a melhoria do cuidado à
pessoa comtuberculose.

PROFISSIONAIS
DE SAÚDE
http://portal.saude.gov.br/portal/saude/visualizar_texto.cfm?idtxt=28055

MAIO 2011

REALIZAÇÃO

Ministério da
Saúde

APOIO

FUNDAÇÃO ATAULPHO DE PAIVA

1

INOVAÇÃO NO CONTROLE DA TUBERCULOSE

DEFINIÇÕES USADAS
PELO PNCT

REFERÊNCIA
E CONTRA-REFERÊNCIA

CASO NOVO: Pessoa com diagnóstico de TB confirmado ou clínico-epidemiológico que não tenha sido tratada
por mais de30 dias.
CASO DE RETRATAMENTO: Pessoa já tratada por tuberculose por mais de 30 dias que venha a necessitar de
nova terapia por recidiva após cura (RC) ou retorno após
abandono (RA).
Recidiva é a tuberculose tratada e curada anteriormente independentemente do tempo decorrido.
Abandono é o não-uso do medicamento por mais
de 30 dias consecutivos, a partir da data agendada
para o seu retorno.FALÊNCIA: persistência da positividade do escarro ao final do 4º ou 5º mês de tratamento, tendo havido ou não
negativação anterior do exame
TRANSFERÊNCIA: refere-se ao paciente que comparece
à unidade de saúde para dar continuidade ao tratamento iniciado em outra unidade, desde que não tenha havido interrupção do tratamento por mais de 30 dias.

2

Os pacientes com intolerância grave a algum dos fármacosantiTB serão encaminhados à Referência Secundária
Os pacientes com qualquer tipo de resistência aos
fármacos antiTB serão encaminhados à Referência
Terciária
• Monorresistência: resistência a um único fármaco
• Polirresistência: resistência a dois ou mais fármacos, exceto à associação Rifampicina + Isoniazida.
• Multirresistência (MDR): resistência a pelo menos
Rifampicina e Isoniazida
•Resistência extensiva (XDR - do inglês, extensively
drug resistance): resistência à Rifampicina e Isoniazida acrescida à resistência a uma fluoroquinolona e
a um medicamento injetável de segunda linha (Amicacina, Canamicina ou Capreomicina).
Procure saber junto à gerência do programa de seu município quais são os serviços de referência secundária
e terciária.

2
1

18/7/2011

BUSCA ATIVA

COMO FAZER
ABUSCA ATIVA

Busca ativa é a atividade de saúde pública orientada a identificar precocemente o Sintomático
Respiratório.
Sintomático respiratório (SR):
indivíduos com tosse por três semanas ou mais
Em populações de alto risco de TB, a busca
de SR pode se dar com tosse de duração mais
curta, desde que seja garantido o suporte laboratorial.
EXEMPLOS:
• População prisional - tosse por mais de 2
semanas• População em situação de rua - tosse com
qualquer duração

3
INDICAÇÕES
DE BACILOSCOPIA:

ESTRATÉGIA OPERACIONAL:
• Interrogar sobre a presença e duração da tosse a
toda clientela da unidade de saúde, independentemente do motivo da procura.
• Orientar os SR identificados sobre a coleta do exame de escarro
• Coletar duas amostras de escarro, uma no momento da identificação e a outra no diaseguinte
• Registrar as atividades nos instrumentos padronizados (pedido de baciloscopia e Livro do SR)
• Seguir os fluxos para conduta nos casos positivos e
negativos à baciloscopia
• Avaliar rotineiramente a atividade de busca por
meio dos indicadores sugeridos: proporção de
sintomáticos respiratórios examinados, proporção de baciloscopias positivas e proporção da
meta alcançada.

3

INDICAÇÕES DACULTURA

• Sintomático respiratório
• Suspeita clínica e/ou radiológica de TB pulmonar
• (febre, sudorese noturna, emagrecimento, e outros
sintomas sugestivos), independentemente do tempo da tosse
• Suspeita clínica de TB extrapulmonar (exame em
materiais biológicos diversos)
A baciloscopia de escarro deve ser realizada em, no mínimo, duas amostras:
uma, por ocasião da primeira consulta, e outra,...
tracking img