Tratamentos antivirais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2797 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PALESTRA Tratamentos antivírais.

41

TRATAMENTOS ANTIVIRAIS
Isabela Cristina Simoni Instituto Biológico Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Sanidade Animal São Paulo/SP E-mail: simoni@biologico.sp.gov.br A maioria das doenças infecciosas que afetam o homem e os animais são causadas por vírus. Estas doenças ainda constituem um sério problema principalmente em relação aos indivíduosinfectados. As diversas medidas sanitárias adotadas envolvem o controle das doenças através do uso de vacinas. Entretanto, quando o organismo já está infectado dificilmente adota-se medidas para seu tratamento. Nos últimos anos houve avanços na química orgânica sintética principalmente depois do aparecimento da AIDS e da falta de métodos eficientes para evitar as doenças causadas por vírus. Assim,apesar dos avanços conseguidos com produtos sintéticos, as florestas tropicais brasileiras ainda permanecem como parte integrante da terapêutica moderna como principal fonte para o desenvolvimento de substâncias bioativas. Existe um vasto potencial neste campo de pesquisa no Brasil visando o aproveitamento de plantas com valor curativo e que há muito tempo são utilizados pela farmacopéia popular comomedicamentos antibacterianos, antifúngicos, antiinflamatórios, antitumorais e que agora podem ser utilizados como antivirais. A pesquisa de substâncias derivadas de plantas está baseada no potencial dos metabólitos secundários como fonte de produtos naturais principalmente nas florestas brasileiras que detém grande biodiversidade sendo que poucas espécies de plantas já foram estudadas deixando umavasta fonte de produtos naturais potencialmente úteis e grande número de espécies vegetais que são química e farmacológicamente desconhecidas. A descoberta de compostos antivirais pode ser comparada a revolução ocorrida na época do desenvolvimento dos antibióticos e anuncia uma nova era na medicina atual. As doenças virais epidêmicas já causaram muitas mortes no passado como a gripe espanhola eem nossos dias como no caso da pneumonia asiática ou SARS ("severe acute respiratory syndrome"), continua causando mortalidade. A disponibilidade de alternativas aos tratamentos convencionais colabora para o controle das doenças causadas por vírus. Nenhuma outra doença causa tanta debilidade como as causadas por vírus e até recentemente essas doenças são tratadas apenas pelo alívio dos sintomas doque pelo ataque ao vírus propriamente dito. Entretanto com o problema da AIDS tem ocorrido uma expansão no aparato de drogas que são testadas e muitas destas são aprovadas para uso médico contra a AIDS e também para herpesvírus, vírus da gripe e resfriado. Os vírus pertencem a uma classe especial de parasitas patogênicos pois são intracelulares obrigatórios e dependem da célula hospedeira para suareplicação. Durante o processo de infecção ficam protegidos pela própria membrana plasmática da célula hospedeira contra os anticorpos do organismo. A maioria dos vírus invadem somente um tipo particular de célula e geralmente atacam preferencialmente certos órgãos. Para um dado vírus se replicar é necessário primeiramente que ele entre na célula pela transposição de uma barreira física que é amembrana celular. Uma vez dentro da célula, o vírus precisa replicar seu ácido nucléico utilizando parte da maquinaria que normalmente é sintetizada pela célula hospedeira. Depois o ácido nucléico e as proteínas virais são transportadas na célula para locais de montagem para a formação de nova progênie de partículas virais infectantes que são finalmente liberadas para fora da célula. Todos essesprocessos fundamentais envolvem uma íntima utilização de ambas enzimas celulares e virais. Pelo fato da replicação do ácido nucléico viral ser essencial para a replicação do vírus não é surpresa que certas enzimas envolvidas nesse processo seja especificamente fornecidas pelo vírus e este tipo de especificidade é que consiste a base para a quimioterapia antiviral. Assim como os vírus se replicam...
tracking img