Tratamento de caldo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1416 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
2. SULFITAÇÃO

Objetivo: A Sulfitação tem como objetivo principal à eliminação de material corante do caldo para a fabricação de açúcar branco, mas proporciona também a redução da viscosidade do caldo, xarope, massas, méis, etc., reduzindo o tempo de cozimento e melhorando a cristalização. Mas possui o inconveniente de aumentar o teor de cinzas no açúcar e aumentar as incrustações nosaquecedores.
Esse último pode ser evitado fazendo-se a sulfitação a quente, dependendo do sistema de sulfitação que se utiliza.
A Queima de Enxofre varia de 200 a 400 gramas por tonelada de cana, dependendo de algumas variáveis , como:
• Qualidade do açúcar desejada
• Qualidade da matéria prima (tempo de queima, teor de dextrana, etc.)
• Qualidade do Enxofre
• EtcConsumo Moema : VHP = 70gr / saco x 2,2 = 154gr /T.C
BR = 150gr / saco x 2,2 = 330gr /T.C

Parâmetros

• pH do Caldo Sulfitado = 3,5 a 4,5
• Teor de Sulfito no Caldo= 400 a 600 ppm , podendo chegar a 800 ppm quando a cana está velha (alto teor de dextrana)


2.1 CARACTERÍSTICA DO ENXOFRE

A produção brasileira de enxofre está relacionada à sua extração a partir da pirita, sulfeto de ferro, que é amplamente encontrado no país.
O ácido sulfuroso é preparado a partir do Enxofre, este é vendido sob a forma de pedaços ou cilindros.
OEnxofre pode ser encontrado na forma octaédrico L com ponto de fusão a 114ºC e o prismático β com o ponto de fusão de 200ºC.

2.2.OBTENÇÃO DO ANIDRIDO SULFUROSO GASOSO

De um modo geral, a industria do açúcar de cana utiliza-se da combustão do enxofre, na presença de ar, para a obtenção do gás sulfuroso. Esta operação é realizada em fornos queimadores.
Quando o enxofre é aquecido a 119ºC, elese funde produzindo um líquido de cor amarelo claro, e a medida que a temperatura se eleva, esse líquido vai se escurecendo, até vermelho escuro, quando atinge a viscosidade máxima que é a 180ºC.
A combustão do enxofre se realiza a 250ºC Hugot (363ºC) produzindo o dióxido de enxofre que é um gás incolor e de odor sufocante.
Quando o ar que circula no forno tem um elevado teor de umidade, todoSO3 é transformado em ácido sulfúrico.
Precaução: Na presença de água , o enxofre queima, formando o Anidrido Sulfúrico SO3, no lugar do Anidrido Sulfuroso SO2 .Reagindo com a água, o SO3 transforma-se imediatamente em Ácido Sulfúrico. Portanto, é preciso ter o máximo cuidado, para que a água não entre no forno de enxofre.
Recomenda-se o resfriamento do gás abaixo de 200ºC logo após suaobtenção, assim procedendo o teor de SO3 será mínimo. Esse resfriamento é realizado na câmara de combustão e em um tubo vertical com camisa d’água.
As principais desvantagens da presença do SO3 no gás, são as seguintes:
a- Qualquer SO3 ou H2SO4 que chegue ao caldo irá transformar-se em CaSO4, que sendo um sal ligeiramente solúvel aumentará o teor de sais de Cálcio no Caldo;
b- Produziráelevada corrosão das partes de ferro que estão em contato com o gás;
c- Qualquer quantidade de SO3 produzida, significa um consumo inútil de enxofre.
Para reduzir ou eliminar a formação do Ácido Sulfúrico , deve-se evitar que a temperatura do forno eleve-se acima de 750ºC e dessecar o ar a ser utilizado na combustão, para isto o ar passa sobre Cal Virgem, que tem muita afinidade com a água eabsorve a umidade do ar.
A quantidade de ar deve ser de 6 a 7 m3 por quilo de enxofre a ser queimado.
Segundo recomendações de Hugot, a temperatura do forno deve estar entre 320º e 350ºC, quando o gás de saída estará entre 250º e 300ºC. Posteriormente, este gás deverá ser resfriado entre 100º e 200ºC, para ser colocado em contato com o caldo.

2.3. FORNO ROTATIVO (Aparelho para produção do...
tracking img