Tratamento da agua

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1188 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice
Capitulo 1

Introdução……………………………………………………..…2

Capitulo 2

2.Processos de tratamento…………………………………....…..3

2.1.Clarificação…………………………………………………..3

2.2.Desinfecção………………………………………………......4

2.2.1.Agentes desifectante……………………………………..…4

2.2.2.Quantidade de desifctante a utilizar…………………...…...4

2.2.3.Tecnicas desifectantes…………………………………...…4

2.3.Fluoretação…………….4

2.4.Controle daCorrosão…..4

1.Introdução
A água em seu estado natural contém impurezas que podem afetar a saúde. Para torna-la de qualidade garantida e satisfatória, torna-se necessário utilizar processos de purificação.
Embora o principal objetivo seja o de eliminar as impurezas, o tratamento também
elimina e neutraliza o gosto e os odores, a cor e a turbidez da água.

2.Tratamento de águas residuais
É a designaçãogenérica para um vasto número de técnicas, geralmente implementadas em Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR), onde se combinam os sistemas e tecnologias necessárias que permitem adequar as águas residuais à qualidade requerida para descarga no meio receptor. Existem quatro graus de tratamento: pré-tratamento, tratamento primário, tratamento secundário e tratamento terciário.
2.1.Pré-tratamentoO pré-tratamento ou tratamento preliminar visa retirar da água sólidos grosseiros ou separar quantidades excessivas de líquidos orgânicos, como óleos e graxas.
É feito através de um dispositivo de retenção, frequentemente através do gradeamento. Porém existem outros métodos como as peneiras estáticas e as peneiras móveis. A remoção de óleos e graxas pode ser feita através de caixas degordura (domiciliares ou coletivas), da adaptação de um dispositivo removedor de gorduras em decantador, tanque aerado ou separador de óleo.
2.1.1.Tratamento primário
Apesar do esgoto apresentar um aspecto ligeiramente mais razoável após a fase de pré-tratamento, possui ainda praticamente inalteradas as suas características poluidoras. Segue-se, pois, o tratamento propriamente dito. A primeira fase detratamento é designada por tratamento primário, onde a matéria poluente é separada da água por sedimentaçãonos sedimentadores primários. Este processo exclusivamente de ação física pode, em alguns casos, ser ajudado pela adição de agentes químicos que através de uma coagulação/floculação possibilitam a obtenção de flocos de matéria poluente de maiores dimensões e assim mais facilmente decantáveis.
Após otratamento primário, a matéria poluente que permanece na água é de reduzidas dimensões, normalmente constituída por colóides, não sendo por isso passível de ser removida por processos exclusivamente físico-químicos. A eficiência de um tratamento primário pode chegar a 60%.
2.1.2.Tratamento secundário
Segue-se, pois, o chamado processo de tratamento secundário, geralmente consistindo num processobiológico, do tipo lodo ativado ou do tipo filtro biológico, onde a matéria orgânica (poluente) é consumida por micro-organismos nos chamados reatores biológicos. Estes reatores são normalmente constituídos por tanques com grande quantidade de micro-organismos aeróbios, havendo por isso a necessidade de promover o seu arejamento. O esgoto saído do [reator biológico] contem uma grande quantidade demicroorganismos, sendo muito reduzida a matéria orgânica remanescente. A eficiência de um tratamento secundário pode chegar a 95% ou mais dependendo da operação da ETE. Os micro-organismos sofrem posteriormente um processo de sedimentação nos designados sedimentadores (decantadores) secundários.
Finalizado o tratamento secundário, as águas residuais tratadas apresentam um reduzido nível depoluição por matéria orgânica, podendo na maioria dos casos, serem despejadas no meio ambiente receptor.
2.1.3.Tratamento terciário
Normalmente antes do lançamento final no corpo receptor, é necessário proceder à desinfecção das águas residuais tratadas para a remoção dos organismos patogênicos ou, em casos especiais, à remoção de determinados nutrientes, como o nitrogênio (azoto) e o fósforo, que...
tracking img